Postagens

Mostrando postagens de Julho 13, 2017

Iluminação da praça João Ribeiro será restabelecida

Imagem
Desligamento se deu em função da troca de postes, dentro do projeto de cabeamento subterrâneo . Por ASCOM PML , em Lages/SC 📷 Daniel Costa / ASCOM PML C om a substituição dos postes de concreto da rede aérea de iluminação pública pelo novo sistema de cabeamento subterrâneo, as lâmpadas da praça João Ribeiro, a praça da Catedral, precisaram ser desligadas. Porém, as lâmpadas de LED dos novos postes, nas ruas do entorno da praça, são normalmente ligadas à noite. Segundo o secretário municipal de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tchá-Tchá), a iluminação da praça será brevemente restabelecida. “O problema está apenas na área central da praça e logo será resolvido. O desligamento se deu por questão técnica e necessária a implantação do projeto de cabeamento subterrâneo que contempla o centro comercial da cidade”, explica Tchá-Tchá.

Divulgado boletim atualizado da situação da gripe em SC

Imagem
Ao todo de janeiro até a primeira quinzena de julho, foram registrados 950 casos suspeitos da doença no Estado . Por NÚCLEO DE COMUNICAÇÃO DA DIVE/SC em Florianópolis/SC 📷 Ilustrativa D e 1º de janeiro a 15 de julho de 2017, semana epidemiológica (SE) 28, foram notificados 950 casos suspeitos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) em Santa Catarina. Destes, 226 (24,9%) foram confirmados para influenza, sendo 1 (0,5%) pelo vírus Influenza A (H1N1)pdm09, 200 (92,6%) pelo vírus A(H3N2), 3 (1,4%) estão aguardando subtipagem para identificação do tipo de vírus influenza A e 22 (10,2%) pelo vírus influenza B. Outros 533 (56,1%) casos de SRAG tiveram resultado negativo para influenza A e B (SRAG não especificada), 174 (18,3%) SRAG por outro vírus respiratório, 1 (0,1%) SRAG por outros agentes etiológicos e 16 (1,7%) casos se encontram em investigação, aguardando confirmação laboratorial. ::: Confira o boletim completo Os municípios que apresentara

Farmácia Popular em Lages será fechada no próximo dia 31

Imagem
Com a mudança, o Ministério da Saúde irá aumentar o valor mensal por habitante destinado à compra de remédios de R$ 5,10 para R$ 5,58 . Por ASCOM PML, em Lages/SC 📷 Marcelo Pakinha / ASCOM PML A pós cerca de nove anos em funcionamento, a unidade da Farmácia Popular em Lages encerrará suas atividades no final deste mês. O motivo é a interrupção de repasses do governo federal, que anunciou a medida, válida para todo o país, devido aos altos custos de fiscalização, armazenamento e distribuição de medicamentos. Com a mudança, o Ministério da Saúde irá aumentar o valor mensal por habitante destinado à compra de remédios de R$ 5,10 para R$ 5,58. A Fundação Osvaldo Cruz (FIOCRUZ), executora do programa, irá doar todo o mobiliário e os medicamentos em estoque para a Atenção Básica do município. Os quatro funcionários que atuavam na Farmácia, por serem efetivos da prefeitura, serão remanejados para outros setores. A gerente de Medicamentos, da Secreta