Inaugurada, de forma virtual, as obras de revitalização da praça João Ribeiro


A praça João Ribeiro foi totalmente revitalizada. O espaço físico está maior, são mais de 3 mil metros quadrados de área.
                                                     
Por ARI JUNIOR* da ASCOM PML,
Lages/SC

📷 MSM Imagens Aéreas / Divulgação
O projeto de revitalização do Centro de Lages avança e ganha forma. Nesta quarta-feira (12 de agosto) mais uma etapa deste importante projeto de infraestrutura, executado pela Prefeitura de Lages, em convênio com o Governo do Estado, foi entregue de forma oficial para a comunidade. Com a pandemia do novo Coronavírus, o prefeito Antonio Ceron e o vice Juliano Polese realizaram, de forma virtual a inauguração da revitalização deste espaço público.

Um vídeo foi gravado e divulgado no Facebook da Prefeitura de Lages, como forma de oficializar a entrega das obras de revitalização da Praça João Ribeiro. O material trouxe depoimentos do prefeito Antonio Ceron, do vice Juliano Polese, do primeiro arquiteto da Serra Catarinense e quem idealizou o primeiro projeto da praça João Ribeiro e do monumento de Getúlio Vargas, João Argon Preto de Oliveira, o bispo diocesano de Lages Dom Guilherme Werlang, além da senhora Eda Arruda Scur, de 86 anos. Ela recorda nas lembranças e em fotos os tempos em que brincava nesta praça. Na parte musical o hino de Lages tem letra de Dr. Américo Rabelo, melodia de Lourenço Batista. O arranjo é de Antonio Lugon; saxofone: André Medeiros; violinos: Dani Porto, Tiago Ataide; voz:Helô "a voz colored" e instrumentos adicionais:Antonio Lugon.

“Estamos entregando para a comunidade mais um espaço totalmente revitalizado. A praça João Ribeiro é um cartão postal da nossa cidade e que tem a visibilidade de outro símbolo e cartão postal de Lages que é a Catedral Diocesana. Esperamos que após tudo isso passar, as pessoas, as famílias lageanas, possam desfrutar deste espaço que ficou muito bonito, moderno e aconchegante. Este é mais um local que retrata a nossa história”, disse o prefeito Ceron.

O conjunto de serviços de revitalização do Centro de Lages iniciou com o cabeamento subterrâneo da rede de energia elétrica e troca dos antigos postes de concreto pelos metálicos sem fios em algumas das principais ruas centrais. Na sequência veio a reurbanização e reforma do calçadão da praça João Costa, inaugurada no dia 23 de novembro do ano passado. No dia 24 de julho, foi inaugurada a obra do calçadão Túlio Fiúza de Carvalho. “O projeto prevê ainda os serviços nas ruas Nereu Ramos (em execução) e trechos da Coronel Córdova e Correia Pinto. O investimento total, da revitalização do Centro, é na ordem de R$ 13 milhões, viabilizados por meio de um convênio entre a Prefeitura de Lages e o Governo do Estado”, detalha o secretário municipal de Planejamento e Obras, João Alberto Duarte.
Sobre os serviços

A praça João Ribeiro foi totalmente revitalizada. O espaço físico está maior, são mais de 3 mil metros quadrados de área. As antigas calçadas foram retiradas e refeitas com pedra basalto. Estão à disposição seis bancos e quatro mesas de jogos. O semáforo da Rua Nereu Ramos teve sua posição alterada para deixar a visão livre e total da Catedral Diocesana. No centro da praça, uma obra de arte: um mosaico com pedras basálticas e recortes artísticos representa a figura de um Pinheiro Araucária e um sol. A Prefeitura de Lages realizou também, no final do ano passado, o replantio de árvores de espécies da flora regional: ipê, cereja e ariticum. Naquela oportunidade, antes da pandemia, a praça, ainda em obras, ficou lotada de crianças, grupo de Protetores Ambientais e a Polícia Militar Ambiental, onde realizaram o replantio de 22 novas árvores na praça João Ribeiro.O engenheiro agrônomo da Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Giovanni Tomazelli, explica que as 22 novas árvores foram plantadas nas faixas laterais e frontais do espaço.

Acessibilidade

O projeto de revitalização da praça João Ribeiro e do Centro de Lages, executado pela Prefeitura em parceria com o Governo do Estado, prevê as mudanças necessárias nos espaços públicos que contemplam a acessibilidade para as pessoas com necessidades especiais.

Na praça João Ribeiro, por exemplo, foram feitas elevatórias nos padrões exigidos pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT): uma na rua Benjamin Constant, outra na rua Nereu Ramos. O piso também é podotátil.

Monumento de Getúlio Vargas

O espaço do monumento do ex-presidente da República,Getúlio Vargas, também está revitalizado. A nova estrutura está localizada em um ponto de destaque e estratégico da praça João Ribeiro. O espaço original foi idealizado pelo arquiteto João Argon Preto de Oliveira, e só foi retirado de onde se encontrava para dar mais visibilidade à Catedral, este um bem tombado como Patrimônio Histórico Cultural.
Melhorias no sistema de iluminação pública

Um total de 103 lâmpadas de LED foram instaladas na Catedral Diocesana de Lages, para iluminação da fachada desta construção em estilo neogótico. A melhoria no sistema de iluminação da Catedral foi realizada pela empresa Serrana Engenharia, terceirizada da Prefeitura de Lages, e faz parte do projeto de revitalização do entorno da praça João Ribeiro.

O secretário municipal de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Fernando Amaral, salienta que além das 103 novas lâmpadas da Catedral foram instaladas novas lâmpadas LED (refletores de chão) no prédio da Prefeitura. “São Lâmpadas LED (refletores) de 100 e 200 watts para iluminação da fachada e da cobertura do prédio administrativo”, informa.

Como o prédio da Catedral, estilo arquitetônico neogótico, é tombado pelo patrimônio histórico, a Fundação Cultural de Lages auxiliou tecnicamente no trabalho de troca de lâmpadas feito pela empresa Serrana Engenharia.

*Com colaboração de Iran Rosa de Moraes

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’