Postagens

Mostrando postagens de Abril 21, 2019

Atlético-GO vence de novo o Goiás e garante o título estadual

Imagem
No jogo de ida, o Dragão já havia vencido por 3 a 0 e neste domingo aplicou 1 a 0 no time esmeraldino. Por GAZETA ESPORTIVA, em Goiânia/GO 📷 Divulgação O Atlético é campeão goiano. Neste domingo, o Dragão venceu um Goiás pouco criativo por 1 a 0 no segundo jogo da final estadual e conquistou o título atuando no estádio Olímpico. Aos 55 minutos do segundo tempo, Matheuzinho anotou o único gol do duelo. O Atlético-GO entrou em campo virtualmente campeão. O Dragão levou a melhor no jogo de ida, venceu por 3 a 0 e podia perder até por dois gols de diferença que ficaria com o título. No entanto, não foi preciso usar desta vantagem. O Goiás perdeu o título e também a confiança da torcida antes da estreia na Série A. Neste domingo, 8 mil esmeraldinos apoiaram durante quase todo o jogo, mas protestaram no fim da partida. O goleiro Sidão foi o principal alvo. Foi o primeiro título do técnico Wagner Lopes, que já tinha feito bom trabalho no próprio Atlético-GO em 2

Aspirantes do Athletico batem o Toledo e conquistam o bi no Paraná

Imagem
Athletico devolve no tempo normal o 1 a 0 e nos pênaltis vencem por 6 a 5 o time do Oeste paranaense. Por LUIZ FELIPE FAGUNDES do GAZETA ESPORTIVA, em Curitiba/PR 📷 Miguel Locatelli / CAP O time de aspirantes do Athletico Paranaense venceu o Toledo por 1 a 0 no tempo regulamentar do segundo jogo da decisão do Campeonato Paranaense 2019, na Arena da Baixada, e nas penalidades bateu o Toledo, por 6 a 5, conquistando o Estadual pela 25ª vez na história. No jogo de ida, 1 a 0 para o Porco no oeste do Estado. O Furacão precisou de apenas sete minutos da primeira etapa para abrir o placar. Matheus Rosseto cobrou falta na entrada da área, a bola desviou, e morreu no fundo da rede. Porém, o time rubro-negro parou no goleiro André Luiz, que ajudou a levar a partida para as penalidades, mas não impediu o bicampeonato athleticano. O jogo Em desvantagem, o Furacão começou partida pressionando par anão perder tempo na busca pelo gol. Aos dois minutos, Bergson recebeu

Com festa no Maraca, Flamengo volta a vencer Vasco e garante título do Carioca

Imagem
Com gols de Willian Arão e Vitinho, Rubro-Negro vence cruz-maltinos por 2 a 0 e garante o 35º título do Estadual. Por CARLOS RAMOS do OGOL.COM.BR, em Rio de Janeiro/RJ 📷 Alexandre Vidal / Flamengo Teve festa na favela, sim. O Flamengo voltou a vencer o Vasco, dessa vez no Maracanã, e por 2 a 0, para conquistar o Campeonato Carioca.  Após ter feito 2 a 0 no Engenhão, o Rubro-Negro fez a festa de sua torcida, que antes do jogo apresentou um lindo mosaico com os dizeres "festa na favela" (a frase teria sido proibida nas redes sociais do clube, que depois negou). Foi o 35° título da equipe da Gávea, maior campeão do Rio.  Bola parada fez a diferença Os dois treinadores mandaram equipes com certas modificações. Alberto Valentim buscou velocidade com Lucas Santos e Yan Sasse, nas vagas de Bruno César e Maxi, enquanto Abel quis criatividade com Diego no lugar de Bruno Henrique.  O que acabou fazendo a diferença primeiro, porém, foi a bola parada. O

Corinthians vence São Paulo com gol de Love no fim e é tricampeão Paulista

Imagem
Alvinegro vence São Paulo por 2 a 1 e conquista tricampeonato, algo que não ocorria há 80 anos. Por ESPN, em São Paulo/SP 📷 Gazeta Press O Corinthians é, mais uma vez, campeão paulista. Neste domingo, a equipe alvinegra venceu o São Paulo, por 2 a 1, e conquistou o tricampeonato consecutivo do Estadual, seu 30º título no geral. Vágner Love foi o herói da tarde, com um gol aos 43 minutos do segundo tempo. Os donos da casa saíram na frente com Danilo Avelar, mas Antony empatou ainda no final do primeiro tempo. Quando tudo parecia encaminhado para os pênaltis, Love recebeu um lindo lançamento de Sornoza e mandou para as redes para fazer a Arena explodir. A conquista faz com que os corintianos consigam algo que não acontecia desde 1939: 80 anos se passaram desde que o time foi tricampeão de forma seguida pela última vez. A sequência atual tem em comum o fato de os três títulos, em 2017, 2018 e 2019, terem vindo com Fábio Carille. O técnico é apenas o quarto a c

Fortaleza volta a vencer Ceará e é campeão estadual

Imagem
Tricolor venceu o Vozão por 1 a 0 na Arena Castelão e conquistou mais um título Cearense. Por GAZETA ESPORTIVA, em Fortaleza/CE 📷 Leonardo Moreira / Fortaleza EC O Fortaleza venceu o Ceará por 1 a 0 neste domingo, na Arena Castelão, e confirmou o título do Campeonato Cearense depois do 2 a 0 na ida. O gol do campeão estadual foi marcado por Roger Carvalho, aos nove minutos do primeiro tempo. A equipe dirigida por Rogério Ceni controlou a decisão e o troféu nunca pareceu distante. O Fortaleza teve a segunda melhor campanha do Cearense na segunda fase, com 11 pontos. O Ceará, vice-campeão, fez 15. Na semi, o Fortaleza eliminou o Guarany de Sobral e o Ceará tirou o Fortaleza da competição. O Fortaleza agora precisa confirmar a permanência de Ceni – o treinador é alvo do Atlético-MG para substituir Levir Culpi. Lisca começa a ficar pressionado no Ceará. O jogo Com a necessidade de fazer dois gols de diferença depois do 0 a 2 na ida da final, esperava-

Gilberto marca, Bahia vence e leva o título do Campeonato Baiano

Imagem
Equipe de Salvador venceu em casa o “xará” Bahia de Feira por 1 a 0. No primeiro jogo, as equipes empataram em 1 a 1. Por LANCE!, em Salvador/BA 📷 Romildo de Jesus / Lancepress! O Bahia é campeão estadual. Neste domingo, o Esquadrão de Aço contou com gol de Gilberto, em cobrança de pênalti, para vencer o Bahia de Feira por 1 a 0. A equipe da capital aproveitou a força de sua torcida na Arena Fonte Nova para ganhar a partida e conquistar o título. Na ida, os dois times haviam empatado em 1 a 1. O jogo A primeira etapa foi do Bahia. No embalo da torcida, o Tricolor atacava de todos os jeitos e Arthur Caíke chegou a carimbar o poste do Tremendão. Na metade do primeiro tempo, o Bahia de Feira resolveu se soltar um pouco mais e rondou o gol do Esquadrão de Aço. Na principal lance, Alex Cazumba girou na marcação e assustou. No segundo tempo, o Bahia perdeu um gol incrível nos minutos iniciais. Em cobrança de lateral, a zaga falhou e Arthur Caíke, sozinho, mando

Com VAR até nos pênaltis, Avaí vence Chapecoense e conquista Catarinense

Imagem
Equipes empataram em 1 a 1 no tempo normal. Por OGOL.COM.BR, em Florianópolis/SC   📷 Frederico Tadeu / Avaí FC Após empate em 1 a 1 no tempo normal, o Avaí bateu a Chapecoense nos pênaltis, com participação do VAR, para ficar com o título catarinense sete anos depois da última conquista.  A final foi de muitos erros. Jogando fora de casa, a Chape se fechou e apostou nos contra-ataques. Já os donos da casa não conseguiram assumir o protagonismo do jogo.  Régis achou a resposta para um jogo fechado com um chute de fora da área. E que chute! O atacante soltou uma bomba e acertou o ângulo para abrir o placar para o Verdão do Oeste.  A pressão do Leão foi mais forte na volta do intervalo. Gegê chegou muito perto de empatar em cobrança de falta perto da área. A bola passou pela barreira, mas acertou o poste.  O empate saiu aos 30. Luan Pareira apareceu na direita e fez o cruzamento para Alex Silva, do outro lado, completar de cabeça e igualar o clássico. 

Neste domingo (21) conheceremos os campeões de 12 estaduais

Imagem
Destaque para o Paulista e Carioca, no Sudeste, Baiano e Cearense, no Nordeste, Catarinense e Paranaense, no Sul, e Paraense, no Norte. Por LDesportes , em Lages/SC   Desde a última quarta-feira (17) já conhecemos alguns campeões estaduais caso de Grêmio pelo Gauchão, e o Cruzeiro e Gama, campeões Mineiro e Brasiliense, respectivamente, que conquistaram os títulos estaduais na tarde de ontem, sábado (20). Mas a maioria dos estaduais pelo país só conhecerão os seus campeões neste domingo de Páscoa (21). São 12 estaduais com decisão pelo País. Confira abaixo os finalistas de cada região: ·         Região Sul Campeonato Catarinense Em jogo único, Avaí e Chapecoense fazem a decisão do estadual. Com a melhor campanha no Estadual, Avaí vai decidir o título na Ressacada, em Florianópolis e tenta conquistar o título que veio pela última vez em 2012. Já a Chape tenta o título que não vem desde 2017 quando venceu o próprio Avaí na Arena Condá, em Chapecó. Provávei