Postagens

Mostrando postagens de Novembro 12, 2017

Edição 57 dos Jogos Abertos se encerra com chave de ouro

Imagem
Seis mil pessoas assistiram a cerimônia de encerramento no ginásio Jones Minosso. Por CRISTIANO RIGO DALCIN da FESPORTE , em Lages/SC 📷 Nilton Wolff / Fesporte A 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) foi encerrada neste sábado, 11, após 10 dias de competições em 26 modalidades com uma grande festa no superlotado ginásio Jones Minosso. Seis mil pessoas assistiram à cerimônia de encerramento marcada pelas premiações do ouro para Lages no futsal feminino, e para Itajaí, como campeão geral, representada pela equipe de futsal feminino. A cerimônia apresentada pelo cronista e comendador do esporte catarinese Roberto Alves, teve início com a execução do hino nacional brasileiro pelos artistas locais Antonio Lugon e Paulo Guazelli, no melhor estilo da Serra, com direito a gaita.  Na sequência, o prefeito de Lages, Antonio Ceron, e o secretário de Estado de Turismo, Cultura e Lazer, Leonel Pavan, entregaram a bandeira dos Jogos Abertos ao pr

Time sensação, Lages é campeã no futsal feminino

Imagem
Com o time das Leoas da Serra, campeã da Copa do Brasil, Lages venceu fácil Itajaí com um ginásio completamente lotado por 5 a 0 e se sagrou campeã dos Jasc. Por ORLANDO PEREIRA da FESPORTE , em Lages/SC 📷 Nilton Wolff / Fesporte A festa lageana foi completa, no encerramento da 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina. O time de futsal feminino ganhou de 5 a 0 de Itajaí, e conquistou troféu inédito para o município. O destaque, mais uma vez, foi Amandinha, autora de quatro gols. No último, tirou a camisa, levando o público que superlotou o Ginásio Jones Minosso, ao delírio. Quem não conseguiu entrar assistiu num telão ou pela internet. A transmissão ao vivo no Facebook da Fesporte teve 6,6 mil visualizações. O placar dilatado não revela o que foi o jogo na etapa inicial. Amandinha abriu o marcador aos 6min e fez o segundo aos 10min23. A partir dai, Itajaí criou duas oportunidades claríssimas de gol, com Bia salvando. O ritmo das duas equipe

Itajaí conquista o tricampeonato dos Jasc em Lages

Imagem
Delegação somou ao fim dos oito dias, 202, apenas sete pontos a mais do que Blumenau, seu principal rival e candidato ao título. Por CRISTIANO RIGO DALCIN da FESPORTE , em Lages/SC 📷 Nilton Wolff / Fesporte I tajaí conquistou neste sábado, 11, o título de campeão geral da 57ª edição dos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc), realizada em Lages, Capital da Serra catarinense. Foi o terceiro título consecutivo do município do Litoral Norte, que assumiu a liderança da classificação final na reta final do maior evento esportivo do esporte amador.  Desta vez, a diferença em relação a Blumenau, segundo colocado e tradicional rival e candidato ao título, foi de apenas 7 pontos (202 a 195). Em 2014, Itajaí venceu em casa com um diferença de 160 pontos (369 a 209). No ano seguinte, em Joaçaba, a vantagem sobre Blumenau foi de 125 pontos (301 a 176).  Em Lages, Chapecó ficou com o terceiro lugar, a frente de cidades tradicionais como Joinville (4º) e Florian

Chapecó conquista vôlei feminino pela 1ª vez

Imagem
Equipe venceu Blumenau por 3 sets a 1, parciais de 25/23 (C); 25/18 (B); 25/22 (C); e 25/15 (C). Por DANIELE MENDES DE MELO da ASCOM PML , em Lages/SC 📷 Marcelo Pakinha / ASCOM PML O sábado de Sol (11 de novembro) deixou o dia de finais dos 57º Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) ainda mais brilhante. As meninas do vôlei de quadra de Chapecó vão levar na mala para casa a medalha de ouro e o troféu de 1º lugar dos Jasc, uma conquista inédita do município na modalidade sobre Blumenau.  Não foi fácil chegar até o ponto mais alto do pódio. Custou suor, cansaço, nervosismo, provocações da torcida adversária na arquibancada do Ginásio Jones Minosso, mas acima de tudo equilíbrio emocional, fundamental numa briga da magnitude das finais dos Jasc.  Chapecó saiu na frente e fechou o 1º set em 25 a 23, mas Blumenau reverteu a situação e ganhou o 2º por 25 a 18. Chapecó reagiu no 3º set, com 25 a 22 e, por fim, no 4º e decisivo, fez diferença de dez pon