Apresentado o balanço final da campanha “Lages Juntos Pela Vida”

Foram três meses de engajamento e união de esforços na arrecadação de alimentos, materiais de higiene pessoal e produtos de limpeza com o objetivo de ajudar famílias necessitadas devido a pandemia da Covid-19. 

Por Alex Branco da Câmara Lages

📷 Balanço final do "Lages Juntos Pela Vida" foi apresentado na noite da última sexta-feira (2) na Câmara de Vereadores de Lages. (Foto: ALEX BRANCO / CÂMARA LAGES)

LAGES — A explanação realizada sexta-feira (dia 2) na sede do Poder Legislativo de Lages trouxe os números finais do que foi realizado desde o lançamento da campanha no mês de maio até o encerramento em julho de 2021. Foram três meses de engajamento e união de esforços na arrecadação de alimentos, materiais de higiene pessoal e produtos de limpeza com o objetivo de ajudar famílias necessitadas devido ao agravamento da pandemia da Covid-19 e seus reflexos na sociedade.


A ação envolveu diversas empresas, instituições e entidades de classes. A Câmara de Municipal de Lages participou ativamente através da Procuradoria Especial da Mulher, presidida por Suzana Duarte (Cidadania) e composta também por Katsumi Yamaguchi (Progressistas) e pela professora Elaine Moraes (Cidadania).

A apresentação dos resultados foi conduzida pelo executivo da campanha, Nicolau Francisco Koerich Filho, do Rotary Clube Alvorada.  Segundo ele, foram arrecadadas mais de 36 toneladas de alimentos, 73,5 litros de álcool em gel e 1.136 máscaras de proteção, bem como entregues 1.746 cestas básicas, atendidas 18 instituições e os bairros ligados aos oito centros de referência de assistência social (Cras) de Lages.

“A viabilidade da campanha foi possível devido ao somatório de esforços, todos ajudaram nas ações do dia “D”. Criamos os pontos de coleta, organizamos as equipes para atuarem desde o levantamento de quem seria atendido até a montagem das cestas básicas e nos cronogramas estabelecidos. Todos estão de parabéns, nosso objetivo foi alcançado”, relatou Nicolau.

Para a procuradora da Procuradoria Especial da Mulher a sensação foi de dever cumprido: “Focamos em algo que iniciou após alguém recorrer à Procuradoria pedindo ajuda para colocar alimento na mesa, algo que está fora das nossas atribuições enquanto legisladores, mas está no compromisso social de qualquer cidadão. Por isso, me sinto feliz e satisfeita com o resultado, pois fizemos o que estava ao nosso alcance, ninguém mediu esforços e conseguimos ajudar quem precisa”, finalizou a vereadora Suzana Duarte.

A explanação pode ser vista na íntegra no canal da TV Câmara de Lages no YouTube.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog