Binômios (cão e bombeiro) de Lages e Curitibanos vão auxiliar nas buscas por bombeiros desaparecidos em prédio da SSP do Rio Grande do Sul

Prédio da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, em Porto Alegre, pegou fogo e parte do prédio desabou, sendo que dois bombeiros militares estão desaparecidos desde a semana passada. 

Do LD 

📷 Bombeiros da Brigada Militar gaúcha trabalham no combate às chamas no prédio da SSP-RS na última quarta-feira (14). (Foto: FELIPE DALLA VALLE / PALÁCIO PIRATINI)

PORTO ALEGRE — O Corpo de Bombeiros de Santa Catarina estará a partir desta terça-feira (20) auxiliando nas buscas pelos dois bombeiros militares desaparecidos nos escombros de parte do prédio da Secretaria de Segurança Pública (SSP) do Rio Grande do Sul que colapsou após um incêndio atingir a estrutura na semana passada em Porto Alegre, capital gaúcha. 


O auxílio se dará com o envio de dois binômios (cão e bombeiro) das cidades de Lages, através do soldado Luciano Rangel e o cão Orion, e de Curitibanos, pelo Cabo Fumagalli e o cão Hunter.

📷 Binômio Rangel e Orion (esq.) e Fumagalli e Hunter (dir.) irão auxiliar nas buscas por desaparecidos em prédio da SSP-RS em Porto Alegre. (Fotos: CORPO DE BOMBEIROS)

O incêndio atingiu o prédio na noite da última quarta-feira, 14, e durante o combate às chamas, parte do prédio colapsou e desabou, deixando dois bombeiros desaparecidos, são eles: o tenente Deroci de Almeida da Costa, com 22 anos como bombeiro, e o sargento Lúcio Ubirajara de Freitas Munhós, há 31 anos na corporação. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog