Aprovado requerimento de Carmen Zanotto para debater distribuição de vacinas por faixa etária

No documento, a parlamentar catarinense reforçou nota técnica do Ministério da Saúde que flexibilizou regras do PNI para autorizar que estados e municípios vacinem a população em geral de 18 a 59 anos. 

Da ASSESSORIA CARMEN ZANOTTO 

Foto: CÂMARA DOS DEPUTADOS

LAGES — Comissão de Seguridade Social e Família aprovou nesta quarta-feira (07) requerimento de audiência pública, de autoria da deputada Carmen Zanotto (Cidadania-SC), para debater representantes do Ministério da Saúde e dos Conselhos de Secretários Estaduais e Municipais de Saúde a distribuição de vacinas de acordo com a faixa etária proporcional da população.


A oitiva será conjunta com a Comissão de Educação.

No documento, a parlamentar reforçou que a Nota Técnica 717/202, editada pelo Ministério da Saúde, flexibilizou as regras previstas no PNI (Plano Nacional de Imunização) para autorizar que estados e municípios vacinem a população em geral entre 18 e 59 anos de idade.

“Mas é preciso avançar na imunização dos grupos de maior vulnerabilidade. O aconselhável é que se faça a vacinação simultânea entre a população em geral e os grupos prioritários”, argumentou Zanotto.

A deputada Dorinha Seabra Rezende (DEM-TO) é coautora do pedido de audiência pública.

Convidados

Arnaldo Correia de Medeiros - secretário de Vigilância em Saúde do Ministério da Saúde.

Carlos Eduardo de Oliveira Lula (SES/MA) - presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

Wilames Freire Bezerra - presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog