Sala do Empreendedor oferece suporte a profissionais com intenção de investir no município

Espaço incentiva profissionais a formalizar seus negócios e está à disposição do microempreendedor na Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo. 

Por CRISTIANE DA BOIT e JAQUELINE ALENCAR
da SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E
TURISMO

Foto: CRISTIANE DA BOIT / SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO

LAGES — Empreender, além de desafiante, é a oportunidade de desenvolver novos produtos e serviços. Por isto, a Sala do Empreendedor dá suporte a profissionais liberais para ampliarem seu campo de atuação através da formalização, facilitando o cadastro ao Microempreendedor Individual (MEI).


No mês de maio de 2021, 182 novos MEIs formalizaram seus negócios. Neste mesmo período, 960 atendimentos foram executados, entre abertura/alteração, inclusão de atividades, alteração de endereço, baixas de Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) e renovação de alvarás.

O MEI consta como uma modalidade simples, sem custo e sem burocracia para abrir uma empresa. O programa dá acesso ao Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ), permitindo emitirem-se notas fiscais.

A formalização é gratuita e gera apenas uma taxa mensal paga de acordo com a atividade exercida. O pagamento é recolhido pela guia chamada Documento de Arrecadação do Simples Nacional do Microempreendedor Individual (DAS MEI), que pode ser acessada no Portal do Microempreendedor.

O secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Álvaro Mondadori  (Joinha), salienta a estrutura de capital humano técnico disponibilizada à comunidade empreendedora de Lages. “Na Sala do Empreendedor temos profissionais preparados para atender as pessoas que querem empreender e formalizar seu negócio. Ao regularizar, o empreendedor tem por direito a aposentadoria por idade, aposentadoria por invalidez, auxílio doença e pensão por morte (para a família), lembrando que para  ter acesso às vantagens é preciso estar em dia com a contribuição mensal (DAS).”

Um cadastro com mais de 466 atividades econômicas está proporcionado ao MEI, com possibilidade de o empreendedor escolher até 15 atividades para atuar simultaneamente. “Formalize-se, empreenda e amplie as oportunidades para o seu negócio”, convida o secretário Joinha, à população interessada.

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo - Sala do Empreendedor deve ser procurada pelos cidadãos que desejarem esclarecer dúvidas e tornarem-se empresários formais e normatizados. Está situada na rua Sebastião Furtado, nº: 81, Centro. O atendimento é prestado de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h. Contatos: (49) 3224-0600/(49) 3224-0700.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog