Gauchão: Grêmio fatura o tetracampeonato consecutivo após empate com Inter

Como havia vencido o primeiro jogo no Beira-Rio, Tricolor gaúcho levou a melhor após empatar em casa com o rival colorado em 1 a 1.

Lages/SC

Ferreira comemora gol na final contra o Inter neste domingo. (Foto: LUCAS UEBEL / GRÊMIO FBPA)

O Grêmio se tornou na tarde deste domingo, 23, tetracampeão consecutivo do Gauchão, após empatar em 1 a 1 com o arquirrival Internacional. A equipe comandada por Tiago Nunes tinha a vantagem após vencer o jogo de ida no Beira-Rio, na semana passada, por 2 a 1. 

RELACIONADAS

Com o empate, o colorado continua amargando a seca de títulos do Estadual que não vence desde 2016, mas também amarga uma sequência de 15 grenais sem vitória sobre o rival. Na Arena, o clube não vence desde 2014. 

O jogo 

O Gre-Nal 432 era pegado, mas foi sem grandes ações na etapa inicial, deixando os dois goleiros, Brenno e Marcelo Lomba como meros observadores dentro de campo, sem emoções e finalizações, Rafinha, do Grêmio, e Yuri Alberto, foram os que resolveram esquentar a partida — mas longe de ser com belas jogadas, mas sim com confusão — ambos se estranharam aos 37 minutos e acabaram expulsos. 


Com um jogador a menos de cada lado, sobraram espaços, e a partida começou a ficar mais interessante. Aos 45, Rodinei chutou cruzado, mas Brenno fez grande defesa. Dois minutos depois, Matheus Henrique quase surpreendeu Lomba, mas acertou o travessão, e quando todos achavam que a partida ia para o intervalo sem gols, Ferreira recebe passe de Diego Souza, que se livra de Rodinei e chuta no canto esquerdo de Lomba. Grêmio 1 a 0. 

Segunda etapa, Inter empata, mas título fica com o Grêmio

O segundo tempo começou com o Inter tentando ir em busca do prejuízo, e após trocas com entrada de Guerrero no lugar de Edenílson, ainda na primeira parte da etapa final, o time chega ao gol aos 21 minutos com Rodrigo Dourado, que supera Brenno após receber cruzamento de Moisés. 

Com o gol, o Inter parece acordar para a partida e ensaias jogadas, quase chega ao segundo aos 30 com Palacios que chuta no cantinho, mas Brenno faz grande defesa. O Grêmio voltaria a assustar com Vanderson aos 36 quando a bola para na trave. Perto do fim, aos 47, Ricardinho perde um gol incrível, o que colocaria o Grêmio novamente à frente do placar, mas não deu tempo pra mais nada dentro do campo, mais um título para o Grêmio. 

Tetra após 33 anos

O Grêmio volta a conquistar um Tetra consecutivo do Gauchão após 33 anos. A última vez, foi em 1988. Essa é a quarta vez que o Tricolor gaúcho conquista um tetra estadual, as outras três vezes foram entre (1956-1959); (1962-1965) e (1985-1988).


Comentários