Morro da Cruz está fechado na Semana Santa para evitar aglomerações e contágio pela Covid-19

Mesmo com as restrições de circulação pelo complexo, a Prefeitura de Lages realizou a manutenção e reforma completa da estrutura. 

Por ALINE TIVES da ASCOM PML
Lages/SC

Fotos: SECRETARIA DO MEIO AMBIENTE / DIVULGAÇÃO

Um dos pontos de turismo religioso mais visitado do Estado, referência na Serra Catarinense e que atrai milhares de fiéis todos os anos, o Morro da Cruz estará fechado para visitações durante a Semana Santa em Lages. A medida foi tomada em respeito ao último decreto municipal n° 19.131 de 19 de março de 2021, que impõe a não realização de aglomerações, respeitando o distanciamento de 1,5m (um metro e meio) entre as pessoas em qualquer ambiente.


Segundo o decreto, também fica proibida a permanência e/ou aglomerações de pessoas em espaços ou equipamentos públicos, tais como praças, parques, calçadões e semelhantes.


Fiscalização rígida

A fiscalização será realizada pela Defesa Civil Municipal, com apoio da Polícia Militar e da Diretoria de Trânsito (Diretran). “Além dos acessos ao Morro da Cruz, também fechamos os acessos ao parque Jonas Ramos, o Tanque, para que as pessoas se conscientizem de que não podem aglomerar nestes pontos devido ao alto grau de contaminação pelo novo coronavírus”, diz o secretário da Defesa Civil, João Eduardo Silva Pacheco.

Complexo religioso passa por reforma

Mesmo com as restrições de circulação pelo complexo que contempla as escadarias do Morro da Cruz devido o enfrentamento à pandemia da Covid-19, a Prefeitura de Lages realizou a manutenção e reforma completa da estrutura. O serviço foi concluído nesta semana pela Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente.

Foi realizada toda a pintura da escadaria, com seus 500 degraus, pintura da Cruz e da Capela, assim como a revitalização dos corrimões. Os banheiros também receberam pintura e manutenção e foram colocadas lâmpadas de LED em substituição às halógenas.

“A manutenção não ficou restrita somente ao entorno da escadaria. A maioria das ruas do bairro Morro Grande passou por roçada e limpeza. Temos esse cuidado com nossos espaços públicos, ainda mais um ponto turístico tão importante para a Serra Catarinense”, comenta o secretário do Meio Ambiente, Eroni Delfes.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog