Safra do pinhão deve crescer de 40 a 60% em relação ao ano passado, estima Epagri

A colheita do pinhão começa nesta quinta-feira, dia 1º de abril. 

Do LD
Lages/SC

Foto: ARQUIVO / LD

A partir desta quinta-feira, 1º de abril estará autorizada conforme prevê lei estadual a colheita do pinhão em todo o território catarinense e esta safra deve apresentar um crescimento se comparado a safra do ano passado, que foi uma das piores em termos de toneladas colhidas nos últimos anos. 


Segundo a estimativa da Epagri, Santa Catarina deverá colher algo entre 40 a 60% a mais de pinhão em relação ao ano passado, mesmo assim, deve ser menor do que o normal. A exemplo de comparação, em 2020, o Estado colheu em média 10% do que seria uma safra catarinense usual de pinhão, sendo que alguns municípios conseguiram colher 30% do normal, mas o volume ficou muito abaixo do esperado, explica o gerente regional da Epagri Lages, José Marcio Lehmann.

Já para os agricultores, mesmo que abaixo do normal, o aumento em relação ao ano passado é motivo de esperança, como explica Lehmann. "O pinhão faz parte da renda de várias famílias agricultoras da região, que aguardam a abertura para iniciar a colheita e comercialização de várias maneiras, principalmente com barracas montadas à beira das rodovias locais". 

Por que a colheita somente a partir do dia 1º de abril?

Estabelecida em 2011, uma lei estadual autoriza a colheita somente a partir do dia 1º de abril, e tem como intuito preservar a espécie, evitando sua colheita ainda verde. Cabe a Polícia Militar Ambiental a fiscalização, e também a de multar quem for flagrado colhendo ou transportando a semente antes desta data. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog