Marcius Machado pede subsídio para produtores de maçã e instalação da Ceasa em Lages

Deputado esteve reunido com o secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Altair Silva para tratar a respeito destes assuntos. 

Por CAMILA PAES da ASCOM DEPUTADO
MARCIUS MACHADO
Florianópolis/SC

Foto: CAMILA PAES / ASCOM DEP. CARMEN ZANOTTO

O deputado estadual Marcius Machado (PL) recebeu nesta quarta-feira (24), em seu gabinete na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), o secretário de Estado da Agricultura, Pesca e Desenvolvimento Rural, Altair Silva. Os principais assuntos da reunião foram a instalação de uma Central de Abastecimento (Ceasa) em Lages e a liberação de subsídios aos produtores de maçã que, recentemente, foram afetados pelo granizo na Serra Catarinense.


O deputado serrano aproveitou o encontro para solicitar, mais uma vez, a instalação de uma unidade regional da Ceasa na Serra Catarinense, pauta que já é defendida pelo parlamentar desde o início do seu mandato. Altair garantiu que essa é uma iniciativa importante e que merece atenção.

Marcius explicou que o Estado é detentor de um espaço, que pode ser utilizado para esse serviço, às margens da BR-282 - onde ficava a sede da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR).  O secretário pediu ao deputado para que a discussão sobre a possibilidade de instalação continue, e acrescentou que fará “um esforço grande para viabilizar o projeto”.

Atualmente, os produtos de hortifruti para abastecimento da Serra Catarinense são comprados em Florianópolis, o que torna o processo oneroso e complicado. “Recentemente, o diretor-presidente da Ceasa/SC me informou que os estudos sobre um novo modelo de gestão para disponibilização de estrutura para comercialização, com vistas a atender as necessidades da região Serrana, estão em fase de elaboração”, completa o deputado. 

Recursos para atingidos por granizo

Marcius é autor de uma indicação (nº 0204.9/2021) que solicita recursos para os agricultores que foram afetados pela intensa chuva de granizo ocorrida no último dia 14, na Serra Catarinense. O secretário explicou que não é possível encaminhar recursos para ajudar aos agricultores, mas afirmou que a pasta está trabalhando na reestruturação dos programas que oferecem ajuda e melhorias aos produtores. Um destes programas será o auxílio para a instalação de coberturas nos pomares, que evitam que o granizo prejudique as plantações. 

Os produtores esperavam uma safra de qualidade superior à anterior, mas foram surpreendidos por uma precipitação que durou entre 3 e 5 minutos, tempo  suficiente para comprometer o trabalho.

Recursos para castração

O deputado Marcius Machado foi o primeiro a destinar recursos de emendas impositivas para a castração de animais. Esses valores serão repassados pela secretaria de Agricultura aos municípios. Durante a reunião desta quarta-feira, Marcius cobrou agilidade no pagamento das emendas. O secretário Altair garantiu que os valores de R$ 100 e R$ 200 mil devem ser pagos em breve, já que estão no último processo para a sua liberação.

Na reunião também conversaram sobre a criação de um fundo para a Frente Parlamentar de Proteção e Bem-Estar Animal da Alesc, da qual Marcius é coordenador. Altair garantiu que estão começando a trabalhar nesse processo e que, logo, haverá recursos para serem encaminhados à proteção animal de todo o Estado.

Comentários