Carmen Zanotto defende ações emergenciais para o setor de eventos

A parlamentar participou de uma reunião com representantes da Associação Brasileira dos Promotores de Eventos (Abrape). 

Da ASSESSORIA DE CARMEN ZANOTTO
Lages/SC

Foto: DIVULGAÇÃO

A deputada federal Carmen Zanotto (Cidadania/SC) participou na quarta-feira, 10, de uma reunião com representantes da Associação Brasileira dos Promotores de Eventos (Abrape). A entidade propõe a adoção de ações emergenciais para recuperação do setor responsável por mais de 2 milhões de empregos diretos e indiretos e um movimento financeiro na casa de 75 bilhões de reais.


“O setor de eventos foi um dos mais impactados pela pandemia da Covid-19 e ainda não existe uma perspectiva de retomada das atividades. Não podemos deixar de auxiliar neste momento, e o parlamento poderá contribuir por meio da aprovação do PL 5.638/20, que propõe 20 ações emergenciais como isenção de tributos e linhas de crédito, fundamentais para garantir a recuperação do setor”, destaca a parlamentar.


Ela lembra que a área de eventos e entretenimento é fundamental para o desenvolvimento da economia de Santa Catarina e da Serra Catarinense. O segmento gera 15 mil postos de trabalho e movimenta R$ 1,5 bilhão por ano em Santa Catarina.  "Na Serra muitos eventos tiveram que ser cancelados, como a Festa Nacional da Maçã em São Joaquim, a Festa das Hortaliças em Urubici e Festa Nacional do Pinhão que gera um incremento de cerca de R$ 20 milhões na economia de Lages", ressalta Carmen Zanotto. 
Lages Diário

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog