VÍDEO: chuva causa estragos, alagamentos e mortes em Florianópolis

Mãe e filha morreram após casa onde elas estavam ser atingida por deslizamento de terra no bairro Saco Grande. 

Florianópolis/SC


A chuva que cai desde a madrugada deste domingo (24) provocou estragos, alagamentos e deslizamentos de terra em vários pontos de Florianópolis e de municípios da região da Grande Florianópolis. Em uma ocorrência, no bairro Saco Grande, mãe e filha acabaram morrendo soterradas após um deslizamento de terra que atingiu a residência onde residiam. 


A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros atenderam a diversas ocorrências em vários pontos da capital catarinense. "O volume de chuva que caiu, especialmente na Grande Florianópolis, foi muito grande e estamos acompanhando os desdobramentos na região, com todas as nossas equipes de prontidão. É necessário que a população também mantenha o alerta e acione os Bombeiros ou a Defesa Civil assim que preciso", destacou o governador Carlos Moisés (PSL). 

Devido as diversas ocorrências e estragos causados, a Prefeitura de Florianópolis decretou situação de emergência e trabalha para atender aos moradores desalojados, além de desobstruir ruas alagadas. Ao todo, foram ao menos 30 ocorrências atendidas relacionadas à deslizamentos e alagamentos e 20 pessoas estão desalojadas. 

Foto: CORPO DE BOMBEIROS

Segundo dados da Defesa Civil, nas últimas 24 horas foram registrados 160mm de chuva na capital, sendo que cerca de 107mm somente em seis horas. 

Situação em outras regiões

O Corpo de Bombeiros segue em alerta juntamente com equipes da Defesa Civil na capital, mas a chuva também preocupa em outras regiões, especialmente no Norte do Estado e do Vale do Itajaí, onde nos últimos dias, os níveis de rios como o Itajaí-Açu subiram consideravelmente e em alguns pontos chegou a sair fora da caixa e alagar algumas ruas. Apesar da atenção, no momento a situação é estável no Vale. 
Lages Diário

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog