Prefeitura lança edital para o preenchimento de vagas nas escolas de educação infantil

As inscrições na lista de espera podem ser realizadas por pais ou responsáveis pela criança, diretamente nos Centros de Educação Infantil Municipais (Ceims), nesta segunda, terça e quarta-feira (25, 26 e 27 de janeiro). 

Por ALINE TIVES da ASCOM PML
Lages/SC


A Prefeitura de Lages, por meio da Secretaria Municipal da Educação lança edital de chamamento público para o preenchimento das vagas remanescentes na educação infantil municipal para o ano letivo de 2021. As vagas ainda disponíveis serão divulgadas para o ingresso imediato das crianças de zero a seis anos inscritas na lista de espera das unidades de ensino.


As inscrições na lista de espera, para participar da escolha de vagas, podem ser realizadas pelo responsável legal da criança, diretamente nos Centros de Educação Infantil Municipais (Ceims), nesta segunda, terça e quarta-feira (25, 26 e 27 de janeiro), das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30. Após estas datas, as novas inscrições serão disponibilizadas a partir do dia 9 de fevereiro.

As crianças que já estão como o nome na lista de espera desde o ano passado, não precisam colocar novamente, pois o cadastro no sistema já foi efetuado. Assim como as crianças já matriculadas, possuem vaga garantida para este ano.

As vagas disponíveis, assim como a relação das crianças inscritas na lista de espera serão divulgadas no site da Secretaria da Educação, no endereço www.educacaolages.sc.gov.br, e expostas no mural da sede da Secretaria, localizada na avenida Papa João XXIII, no bairro Petrópolis, nos horários das 8h às 12h e das 14h às 18h. A divulgação ocorrerá no dia 2 de fevereiro.

A escolha das vagas remanescentes será realizada no dia 4 de fevereiro, às 18h30, no auditório da Secretaria da Educação. Os pais que tiverem interesse nas vagas divulgadas devem comparecer no local, onde serão adotadas todas as medidas de segurança sanitárias impostas. As matrículas serão efetivadas entre os dias 5 e 8 de fevereiro, com a devida documentação entregue pelos pais.

Matrículas seguem critérios de pontuação

Para a realização das matrículas, serão observados alguns critérios de pontuação criados e homologados em decisão judicial, para a classificação das crianças cadastradas na lista de espera da educação infantil.

Será dada prioridade para crianças com deficiência física ou transtorno de espectro autista comprovado através de laudo médico. Também às crianças em situação de risco ou violação de direitos, atendidas por redes de proteção como o Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), Ministério Público, Vara da Infância e Juventude, entidades de acolhimento, ou seja, situações em que se faz necessária a permanência da criança na creche durante o dia.

Serão atendidas prioritariamente famílias cujos pais ou responsáveis trabalhem durante o dia todo; que recebem benefícios como do programa Bolsa Família e que residem no mesmo bairro da unidade escolar. 
Lages Diário

Comentários