Educação municipal realiza chamada de professores classificados no processo seletivo

Ao todo são aproximadamente 700 vagas que serão preenchidas atendendo a todas as unidades escolares do Sistema Municipal de Educação para o ano letivo de 2021. 

Por ALINE TIVES da ASCOM PML
Lages/SC

Foto: Toninho Vieira / ASCOM PML

A Secretaria Municipal da Educação de Lages iniciou nesta segunda-feira (25 de janeiro) o processo de chamada para contratação em caráter temporário dos professores (as) que foram classificados durante o processo seletivo n° 002/2019. Juntamente dos profissionais efetivos, irão compor o corpo docente que irá atuar nas escolas municipais durante o ano letivo de 2021.


A chamada por ordem de classificação foi dividida por etapas e irá acontecer até a próxima quarta-feira (27 de janeiro), no ginásio Ivo Silveira. O local foi escolhido por ser amplo e proporcionar que todos os cuidados e regras sanitárias sejam cumpridos devido o perigo do novo coronavírus. Este primeiro dia foi reservado para os professores da educação infantil, que compõe o maior grupo, sendo que nesta terça-feira será para o ensino fundamental e na quarta-feira para o ensino médio das escolas itinerantes.

Ao todo são aproximadamente 700 vagas que serão preenchidas atendendo a todas as unidades escolares do Sistema Municipal de Educação. O processo seletivo com validade de até dois anos foi realizado no final de 2019, ou seja, este será o último ano de atuação dos contratados. “Ao final de 2021 faremos um novo processo seletivo para contratação de novos professores em caráter temporário, válido por um ano, podendo ser prorrogado por mais um”, explica a secretária interina da Educação, Ivana Michaltchuck.

Durante o processo seletivo cada profissional opta por até duas disciplinas que pretende lecionar. Os professores são chamados por ordem de classificação e escolhem as respectivas unidades escolares conforme as vagas disponíveis. A próxima etapa é fazer a admissão juntamente do setor de recursos humanos da Secretaria da Educação.

Este ano, excepcionalmente devido à pandemia do novo coronavírus, o sistema de educação municipal será organizado de forma híbrida. Os professores irão atender aos alunos cujos pais permitirem que eles freqüentem as aulas de forma presencial e também serão atendidos estudantes que optarem por continuar utilizando as plataformas digitais e entregas de atividades nas escolas nos dias marcados.
Lages Diário

Comentários