Matriz de risco mostra 12 regiões catarinenses em situação grave

Outras quatro regiões estão no risco Alto, representados pela cor amarela, entre elas, está a região da Serra Catarinense.

Da AGÊNCIA LD,
Lages/SC     

Foto: SECOM / Divulgação


O Governo do Estado através do Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) atualizou o Mapa de Avaliação de Risco Potencial para Covid-19 e nesta semana, o mapa aponta que 12 regiões catarinenses estão classificadas no nível Grave representado pela cor laranja, sendo um a mais em relação ao mapa divulgado há uma semana.

+ sobre o Coronavírus
 
Segundo o Governo do Estado, a novidade é a região da Foz do Rio Itajaí que subiu de alto para grave no mapa de risco. As únicas regiões que continuam no nível Alto (cor amarela) são Xanxerê, Oeste, Serra Catarinense e Médio Vale do Itajaí.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As regiões da Carbonífera, Extremo-Sul e Laguna, todas na parte Sul do Estado, receberam o alerta do COES a respeito da mortalidade por Covid-19 que na semana passada ultrapassou 2/100 mil habitantes. Já as regiões da Grande Florianópolis e do Alto Uruguai Catarinense, receberam o alerta para o quesito da transmissibilidade, já que houve um aumento do número de casos ativos em relação à semana anterior.
 
A matriz de risco é atualizada semanalmente e pode ser conferida de forma detalhada no site www.coronavirus.sc.gov.br.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’