Lages registra uma semana sem registro de óbitos por Covid-19, mas Governo do Estado mantém Serra no nível grave

Mesmo com números considerados positivos, o município juntamente com toda a Serra Catarinense continua, segundo o Estado, na área de potencial de risco.  
 
Da AGÊNCIA LD,
Lages/SC

Foto: Reprodução / Facebook


Os números da Covid-19 por mais que ainda mereçam atenção já são considerados positivos nos últimos dias em Lages com baixa procura por atendimento, como também baixos números de novos casos e de isolados em domicílio, além de números razoáveis de novos recuperados, e um destes números que mais se destacaram foi o fato de nesta quinta-feira (24), Lages completar uma semana sem registro de mortes por conta da doença.
 
Mas apesar de números considerados bons, o município que é o maior da região da Serra Catarinense e por consequência também ser o que alavanca os números em toda a região, continuou na área de potencial de risco considerado grave, representado pela cor laranja, o que causou frustração e surpresa por parte da Secretaria Municipal de Saúde juntamente com o COES Regional Serra Catarinense já que havia a esperança de que o mapa atualizado rebaixaria para o nível alto, representado pela cor amarela, o que deliberaria sobre novas flexibilizações.



O COES Regional já vinha cobrando o Governo do Estado para uma reavaliação dos critérios considerados para mensurar a classificação do risco potencial, e os motivos do por quê de a região não ter migrado da cor laranja para amarela.
 
Um ofício foi enviado ao Governo do Estado solicitando que ao menos um representante do COES-SC participe de uma sessão ordinária online do COES Serra Catarinense, que acontecerá nesta sexta-feira (25) para prestar esclarecimentos.
 
Evolução da taxa de ocupação de UTI Covid-19
 
No início de agosto, considerado o mês crítico em Lages em relação a casos confirmados, ocupação de leitos de UTI e de mortes, à época a taxa de ocupação chegou a 90%, mas a partir da última semana de agosto e ao longo deste mês de setembro caiu drasticamente para 30% e alguns dias chegou a ficar em 24%, e mesmo assim, o município que também é referência em toda a região da Serra Catarinense continuou na fase laranja.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’