Jovem é condenado a 29 anos de prisão por assassinato de comerciante em Lages

Ele era afilhado da vítima e efetuou dois disparos de arma de fogo contra a vítima.  
 
Da AGÊNCIA LD,
Lages/SC

Foto: Divulgação


Quase cinco meses depois do crime que chocou os moradores do bairro São Luiz, na zona Sul de Lages, o jovem responsável por tirar a vida do comerciante Vilmar Luiz Lang, proprietário de um supermercado no referido bairro, com dois disparos de arma de fogo, foi condenado pelos crimes de latrocínio, corrupção de menores e roubo circunstanciado, totalizando uma pena de 29 anos de prisão, inicialmente em regime fechado e sem possibilidade de recurso.  
 
O crime
 
O réu que era afilhado da vítima, na noite anterior ao homicídio, em 12 de maio, com uma arma de fogo e acompanhado de um adolescente roubaram um entregador de pizzas no bairro Santa Mônica, na zona Oeste de Lages, e utilizou o veículo na manhã seguinte para realizar o roubo ao supermercado do padrinho, no bairro São Luiz.
 
O réu já havia trabalho no supermercado, conhecia a rotina e dias antes tinha pedido dinheiro emprestado à víitma. Ao chegarem ao local, os dois encontraram a vítima e anunciaram o assalto com a arma de fogo. Na sequência, o acusado ao ser reconhecido pela vítima efetuou dois disparos contra o comerciante que acabou morrendo no local.
 
Na sequência ao crime, os dois fugiram em direção ao bairro Promorar onde abandonaram a moto utilizada no crime. No mesmo dia, os dois foram localizados. Mesmo sem ter levado nenhum bem, há crime de latrocínio quando o homicídio se consuma, conforme entendimento do STF através da súmula 610.
 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’