Carmen se preocupa com uso de medicamento sem prescrição médica


A manifestação foi feita durante reunião da Comissão Externa de Enfrentamento à Covid-19, da qual a parlamentar é a relatora.
                                             
Por SILVIANE MANNRICH da ASCOM DEPUTADA
CARMEN ZANOTTO,
Brasília/DF

📷 Najara Araújo / Câmara dos Deputados

Em reunião da Comissão Externa de Enfrentamento à Covid-19, a deputado Carmen Zanotto (Cidadania-SC), relatora do colegiado, manifestou preocupação com o uso de medicamentos para tratamento da doença sem prescrição médica.

O uso da cloroquina polarizou o debate durante a videoconferência sobre as experiências no tratamento precoce de Covid-19  com cientistas e especialistas.

 “Sempre quando sou questionada, afirmo que seguir a prescrição médica é o melhor caminho. Fico muito preocupada quando vejo as pessoas recorrerem a medicamentos sem orientação do profissional, ver as pessoas irem às farmácias e tomarem a medicação sem nenhum sintoma da doença”, declarou.

 Segundo a parlamentar, o tema divide o país e a comunidade médica, mas ela disse que renova sua confiança nas pesquisas e na ciência na busca da vacina e de soluções terapêuticas para a Covid-19.

“O momento ainda de muitas dúvidas e incertezas, mas enquanto não temos uma solução definitiva, o ideal é que os profissionais de saúde continuem atendendo todos os pacientes da melhor maneira possível”, afirmou.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’