São Joaquim: Poço artesiano está sendo perfurado ao lado do reservatório da Casan


Cidade é uma das que mais sofrem devido a estiagem que afeta a Serra Catarinense.

Por ASCOM PMSJ,
São Joaquim/SC

📷 Divulgação

A CASAN, Companhia Catarinense de Águas e Saneamento, buscando sanar a estiagem que está assolando São Joaquim, está perfurando um poço artesiano ao lado da barragem de captação de água, que está praticamente seco.

Semelhante ao poço convencional, um poço artesiano é assim denominado quando as águas fluem naturalmente do solo, num aquífero confinado, sem a necessidade de bombeamento. É um poço tubular profundo cuja pressão da água é suficiente para a sua subida à superfície, necessitando a instalação de equipamento na boca do tubo para controlar a saída da água. Geralmente, a sua profundidade é maior que a de um poço convencional e, em geral, suas águas têm uma pureza microbiológica maior e com mais sais minerais. Em sua utilização normal para uso residencial, as águas são captadas através de canos.

A perfuração de poços tubulares é uma atividade especializada na área de engenhariaː portanto, todo esforço deve estar centralizado na contratação de empresas de perfuração de poços que possuam quadros especializados de funcionários, geólogos, engenheiro de minas ou engenheiros com especialização na área reconhecida pelos órgãos de fiscalização profissionais específicos, além de equipamentos modernos e alta tecnologia e uma equipe de profissionais e técnicos com ampla experiência.

Decreto municipal

A Prefeitura de São Joaquim, decretou algumas áreas de utilidade pública para perfuração de poços e outras instalações necessárias ao sistema de abastecimento de agua na cidade.

Com isso, agiliza a perfuração do poço que irá supri, de certa forma, a estiagem na cidade. Os encargos financeiros da obra serão da CASAN, que visa melhorar o abastecimento na cidade.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho

Internautas reagem a Mario Motta na bancada do ‘Jornal Nacional’