Empresas devem adotar estratégias para evitar a aglomeração de funcionários em ônibus e refeitórios, além de aumentar a higienização dos ambientes.

Por PABLO GOMES da ASCOM PML,
Lages/SC



O Gabinete Emergencial de Acompanhamento e Prevenção ao Covid-19 (Coronavírus), instituído por decreto do prefeito Antonio Ceron, orienta as indústrias que continuam trabalhando normalmente para alguns cuidados especiais em relação aos colaboradores.

No âmbito do transporte, os ônibus estão autorizados a circular, mas precisam ser higienizados com maior frequência - preferencialmente após cada viagem -, estar com as janelas abertas e evitar a lotação máxima.

Já em relação aos refeitórios, a recomendação é que os ambientes também sejam higienizados com maior frequência, o espaçamento entre as pessoas seja de no mínimo um metro e os ambientes fiquem limitados a 50% da capacidade de público.

“As empresas precisam adotar estratégias para adequar as escalas de trabalho a esta realidade. Seguir estas orientações é fundamental, pois só com a efetiva colaboração de todos conseguiremos superar esta situação”, diz o prefeito Antonio Ceron.