Câmara irá disponibilizar R$ 200 mil para a Prefeitura de Lages no combate ao coronavírus


Os recursos serão disponibilizados da seguinte forma: R$ 100 mil para a reestruturação do P.A. Tito Bianchini que será transformado em um Hospital de Triagem e os outros R$ 100 mil será para disponibilização de cestas básicas para as famílias mais necessitadas nesse momento de dificuldade.

Por LD,
Lages/SC

📷 Maurício Santos / Arquivo / LD Comunicação

A Prefeitura de Lages ganhará um reforço no caixa nos próximos dias com o repasse por parte da Câmara de Lages que irá disponibilizar R$ 200 mil para ações de combate ao novo coronavírus (Covid-19), sendo R$ 100 mil para a reestruturação do P.A. Tito Bianchini que tem previsão de entrar em funcionamento nesta terça-feira, 24, como um Hospital de Triagem para Síndromes Respiratórias, e os outros R$ 100 mil será para a aquisição e disponibilização de cestas básicas para as famílias mais necessitadas nesse momento de dificuldade.

O anúncio dessa disponibilização dos R$ 200 mil foi feito durante videoconferência entre os vereadores que integram a Mesa Diretora da Câmara de Lages, o presidente Vone Scheuermann (MDB), Amarildo Farias (PT), Bruno Hartmann (Podemos), Ivanildo Pereira (PSL) e Thiago Oliveira (Podemos) com o prefeito de Lages, Antonio Ceron (PSD). Além disso, eles tiraram algumas dúvidas sobre as ações que o Poder Executivo está realizando para combater a doença na cidade, como a situação das estruturas dos hospitais, de equipamentos e profissionais da saúde e também sobre o uso do espaço do antigo P.A. Tito Bianchini.  

Segundo o presidente da Câmara, vereador Vone Scheuermann (MDB), “a preocupação é grande, porém, se continuarmos as ações que estão sendo desenvolvidas, vamos conseguir passar por tudo isso se que se torne um caos. A princípio, não faltam materiais (EPI’s) aos profissionais da saúde, à Secretaria da Saúde possui cinco médicos trabalhando de casa para assistência por telefone, os idosos estão sendo monitorados conforme cada necessidade em suas residências, as famílias carentes estão sendo monitoradas através das diretorias das escolas e os supermercadistas, em decisão própria, afirmaram trabalhar somente até às 20h nos dias de semana”, destaca Scheuermann.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Enquete: participe e vote em quem você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2019

Grave acidente deixa cinco pessoas feridas em Lages

Lages a Nova Iorque com a Azul, a partir de junho