Em outubro de 2018, o acusado tentou matar a ex-companheira em um coletivo no início da manhã.

Por LD,
Lages/SC

📷 Arquivo / LD Comunicação

Está marcado para às 10h desta terça-feira, 26, o início da sessão de julgamento do acusado de ter tentado matar a ex-companheira com um tiro no interior de um ônibus, em outubro de 2018, no bairro Coral, em Lages.

Denunciado pelo Ministério Público, o homem é acusado de tentativa de homicídio qualificado pelo motivo torpe, surpresa, perigo comum e feminicídio. A sessão iniciará com o sorteio dos jurados e será presidida pelo juiz Geraldo Corrêa Bastos.

O crime

No dia 4 de outubro, o acusado embarcou no ônibus que fazia a linha Penha sentido Centro, avistou a mulher e, enquanto o veículo seguia pela avenida Presidente Vargas próximo ao semáforo com a avenida Corina Caon, no bairro Coral, a encurralou e atirou contra ela.

Os tiros atingiram a vítima na região do ombro, cotovelo e abdômen, sendo atendida pelo Samu e encaminhada ao HNSP.

Segundo o MP, a motivação para o crime seria que ele não se conformava com o término do relacionamento e a situação se agravou quando ela encontrou outro companheiro.

Após a tentativa de feminicídio, o mesmo atentou contra a própria vida dando um tiro contra si. Ele permaneceu no hospital por alguns dias e posteriormente foi preso preventivamente.