O julgamento ocorreu na última terça-feira, 22, no Fórum Nereu Ramos, em Lages.

Por TAINA BORGES do NCI/TJ-SC,
Lages/SC       

📷 Juiz Geraldo Corrêa Bastos (centro) profere decisão e condena réu a seis anos de
prisão por tentativa de homicídio. (Foto: Taina Borges / NCI TJSC

Um homem foi julgado por duas tentativas de homicídio durante júri popular, nesta terça-feira (22), em Lages. Ele foi condenado por tentar matar uma das vítimas, com as qualificadoras da surpresa e meio que resultou perigo comum, e por porte ilegal de arma de fogo. O réu deverá cumprir a pena de seis anos de reclusão em regime semiaberto.

Denunciado pelo Ministério Público, o réu foi motivado por desentendimentos anteriores com as vítimas e teria disparado alguns tiros contra elas. Nenhum atingiu os homens porque conseguiram fugir. No processo consta registros de perícias técnicas mostrando que os projéteis atingiram uma residência e que no momento do fato, em junho de 2016, o bairro Coral, outras pessoas estavam na casa. O homem confessou ter feito os disparos.

Os jurados absolveram o réu de uma das tentativas de homicídio e o consideram culpado por outra. Ele poderá recorrer da decisão ao Tribunal de Justiça de Santa Catarina.