Após um longo período inacessível, a equipe da Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos conseguiram chegar ao local com o auxílio de um mapa de georreferenciamento e um aplicativo de celular especializado em mapas.

Por LD,
Lages/SC

📷 Divulgação

Em breve os visitantes do Parque Natural Municipal João José Theodoro da Costa Neto (Parnamul), localizado no bairro São Paulo, na zona Oeste de Lages, poderão acessar a maior cachoeira do parque. Pelo menos é essa a intenção de uma equipe da Secretaria de Meio Ambiente e Serviços Públicos que concluíram na última quinta-feira (1º), uma expedição para chegar até o local que por muito tempo era considerado inacessível, e que havia desbarrancado.

A equipe desta expedição foi formada pela gerente de Educação Ambiental, a bióloga Michelle Pelozato; a engenharia ambiental, Jéssica Quinatto, e a guia Gleice Borges, que com o auxílio de um mapa georreferenciado e de um aplicativo de celular percorreram um pouco mais de um quilômetro pelas trilhas mesclando subidas e descidas em meio à mata fechada durante uma hora e meia de caminhada chegaram até a cachoeira.

📷 Divulgação

Segundo a engenheira ambiental, Jéssica Quinatto, a intenção neste momento é de encontrar uma melhor maneira de abrir uma trilha para facilitar o acesso ao público em geral à cachoeira. “Neste dia a vazão estava fraca, acredita-se que por já fazer alguns dias que não chovia. Por enquanto, esta trilha continua fechada aos visitantes devido aos perigos existentes”, conta Quinatto.

Com a chegada até o local, agora iniciam os estudos para encontrar a melhor maneira para facilitar o acesso ao local a todos para desfrutarem de mais esta alternativa de lazer e de contato direto com a natureza.

Como dito antes, a trilha para esta cachoeira continua fechada, porém, o parque conta com outras sete trilhas disponíveis para quem quiser percorrer, mas sempre fazendo um contato prévio com os servidores do Parque Natural, de segunda à sexta-feira, das 8h às 19h ou agendar a visita por telefone (49) 3221-1099, isso para realizar as trilhas com o acompanhamento de um guia.

Quem quiser percorrer sem esse acompanhamento, é permitido, mas aconselha-se o interessado em consultar o mapa localizado na entrada administrativa do Parque Natural e também prestar atenção as sinalizações das trilhas.

📷 Divulgação