Começo deste mês de agosto deve seguir uma tendência que marcou os meses de junho e julho, ou seja, a pouca chuva.

Por LD,
Lages/SC

📷 Rio Canoinhas é um dos afetados pela falta de chuva. (Foto: Canoinhas Online / Arquivo / Divulgação)
Os próximos dez dias devem ser de pouca chuva em todas as regiões de Santa Catarina. A previsão é da Epagri/Ciram e deve seguir uma tendência que marcou os meses de junho e julho que também tiveram poucos dias e poucos volumes de chuva.

Segundo a Epagri/Ciram, até o dia 14 de agosto, duas frentes frias – sistema relacionado à chuva – devem passar pelo Estado, mas ambas serão de fraca intensidade. A primeira chega entre os dias 9 e 10 de agosto e a outra nos dias 13 e 14 de agosto. Essas duas frentes provocarão chuva mal distribuída e com valores pouco significativos em Santa Catarina, totalizando algo em torno de 20 a 40mm nas duas frentes.

A situação de estiagem relacionada a pouca chuva preocupa já que há 14 regiões hidrológicas que estão em situação de emergência ou alerta. Confira quais, abaixo:

Situação de emergência

·        ETA Casan no Rio Cubatão do Sul (Palhoça)
·        Saltinho no Rio Itajaí-Açu (Alfredo Wagner)
·        Chapadão do Lajeado no Rio Itajaí-Açu (Chapadão do Lajeado)
·        Rio Tijucas (São João Batista)
·        Jusante no Rio Tubarão (São Martinho)
·        Barragem Concórdia (Concórdia)
·        Rio Camboriú (Camboriú)

Situação de alerta

·        Rio Canoinhas (Canoinhas)
·        Barragem Oeste (Taió)
·        Rio do Peixe (Tangará)
·        Foz do Rio Claudino – Rio Jacutinga (Concórdia)
·        Rua Vitório Celant  - Rio Jacutinga (Concórdia)
·        Rio Negro na Fazenda Rudnick (Rio Negrinho)
·        Rio Negro na Fazenda Souza (Rio Negrinho)