Ele foi reconduzido ao Presídio Regional de Lages.

Por LD,
Lages/SC

📷 Divulgação

A Polícia Militar Rodoviária (PMRv) do posto de Painel, na SC-114, prendeu na tarde deste sábado (3), o homem suspeito de estar rondando casas e ameaçando mulheres, especialmente em bairros da zona Sul de Lages, na Serra Catarinense. Ele foi reconduzido ao Presídio Regional de Lages, no bairro São Cristóvão. 

O suspeito é Juliano Pereira Alves, de 36 anos, que foi condenado em 2012 pelo homicídio de Rosângela Aparecida de Castro, de 38 anos, com golpes de guidão de bicicleta. Inicialmente condenado a 17 anos de prisão, teve a pena reduzida para 11 anos e quatro meses em regime fechado após a Justiça considerá-lo semi-imputável, ou seja, ele compreendia parcialmente o crime que ele estava cometendo, porém, ele cumpria a pena em Prisão Albergue, sem recolhimento, mas havia sido indultado. 

A Comarca de São Joaquim revogou a decisão de liberdade do homem por apresentar distúrbios mentais e colocar em risco a vida de outras pessoas, sendo que o mandado de prisão foi decretado pelo juiz da referida comarca. 

A prisão ocorreu após os policiais da PMRv com as características do suspeito e de seu veículo realizarem a abordagem do mesmo no posto em Painel. O suspeito reagiu e tentou fugir, mas acabou caindo e se ferindo levemente na cabeça sendo posteriormente atendido pelo SAMU. Após o atendimento foi preso, algemado e levado ao Presídio Regional de Lages onde ficará à disposição da Justiça.