Licença emitida pelo Instituto de Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) autoriza empresa a realizar obras de terraplanagem e construção do parque fabril.

Por LD,
Lages/SC

📷 Marcelo Pakinha / Arquivo / ASCOM PML

A Berneck obteve nesta quarta-feira (21), a Licença Ambiental de Instalação (LAI) emitida pelo Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA). O início das obras de terraplanagem e, na sequência, a construção do parque fabril, só dependiam deste documento emitido pelo órgão estadual.

A empresa que já conta com uma fábrica em Santa Catarina na cidade de Curitibanos, no Meio Oeste, irá implantar a nova fábrica às margens do Rio Caveiras em Lages próximo a divisa com Capão Alto na Serra Catarinense e tem investimento previsto de R$ 1 bilhão, e pretende gerar cerca de 800 empregos diretos e outros 1.500 indiretos com capacidade de produção de 500 mil m³/ano de MDF – painel de fibras de madeira reflorestada – pinus.

A fábrica ficará localizada em um terreno doado pelo município com quase 100 hectares, sendo que destes, 25,71 hectares serão utilizados para implantação das instalações da fábrica na primeira fase de construção, Etapa 1. Todas as instalações necessárias para obra serão na referida área, incluindo o canteiro de obras, jazidas e subestação de energia.

A Berneck irá realizar a expansão da unidade fabril de Lages futuramente com uma segunda linha de MDF, o que aumentará para 55,64 hectares de área construída. Porém, esta licença emitida pelo IMA compreende apenas as obras da Etapa 1.

A LAI é a segunda de três licenças que devem ser emitidas pelo IMA. Posteriormente após a conclusão das obras, a Berneck deverá solicitar a Licença Ambiental de Operação.