A vítima está internada no hospital devido a um inchaço no braço esquerdo após o acusado ter obstruído a fístula, ligação entre artérias para realizar procedimento de hemodiálise.

Por LD,
em Lages/SC 



A Polícia Militar prendeu no final da noite de ontem, domingo (7), no bairro São Luiz, um homem, de 34 anos, suspeito de ter agredido a esposa de 36 anos. O caso ocorreu por volta das 23h no bairro São Luiz, na zona Leste de Lages, na Serra Catarinense.

Segundo a PM, a guarnição foi acionada até a emergência do HNSP, no Centro de Lages, onde em contato com a equipe do Samu foram informados de terem realizado a condução de uma mulher com a fístula obstruída e um grande inchaço no braço esquerdo. Em contato com a vítima, a mesma informou que havia sido agredida pelo seu companheiro de iniciais R.F. de 34 anos.

A vítima de iniciais E.P.S.T. de 36 anos, relatou aos policiais que estava em casa e entrou em uma discussão verbal com o seu companheiro, sendo que o mesmo pegou uma faca para agredi-la, desta forma ela se defendeu lhe dando um soco. Após isso, o homem segurou forte nos braços da vítima obstruindo a fístula que é uma ligação entre as artérias para realizar procedimento de hemodiálise.

Diante do fato, a guarnição se deslocou até a residência da vítima, na rua Adelaide Alves, onde foi realizada a abordagem do autor e dado voz de prisão contra ele. Foi necessário o uso de algemas, já que o autor ficou agitado após a chegada da guarnição, o que poderia acarretar em fuga posterior.

A vítima ficou internada em observação no HNSP e poderá ser necessário realizar cirurgia. Já o homem foi conduzido à Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.