IMA divulga o primeiro relatório de balneabilidade de 2019


Segundo o órgão, mais de 72% dos pontos analisados estão próprios para o banho.

Por LD,
em Lages/SC

📷 Balneário Piçarras é um dos locais onde a situação do mar para banho é própria. (Foto: Philip Albert / Lages Diário)

O Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA) divulgou nesta sexta-feira (4), o primeiro relatório de balneabilidade de 2019. Segundo o órgão, 72,4% dos pontos analisados em todo o litoral de Santa Catarina estão próprios para o banho. As coletas e análises foram realizadas de 02 a 04 de janeiro. Em Florianópolis, a situação é melhor ainda, sendo que dos pontos analisados, 76,2% apresentaram boa balneabilidade.


Se comparado com o relatório da semana passada, dia 28 de dezembro, sete pontos passaram de condição de impróprio para próprio e outros 17 passaram de próprio para impróprio.

O IMA alerta aos banhistas e moradores que evitem entrar no mar quando transcorridas 24 horas de chuvas torrenciais. O alerta é para que a população não se banhem próximos à saídas de rios, riachos e galerias pluviais.

As amostras são coletadas em diversos pontos do litoral catarinense nas cidades de Araranguá, Balneário Arroio do Silva, Balneário Gaivota, Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Balneário Rincão, Barra Velha, Biguaçu, Bombinhas, Florianópolis, Garopaba, Governador Celso Ramos, Imbituba, Itajaí, Itapema, Itapoá, Jaguaruna, Joinville, Laguna, Navegantes, Palhoça, Passo de Torres, Penha, Porto Belo e São José.

Placas têm sido alvos de vândalos

O IMA recomenda que os moradores e banhistas acessem o site do órgão balneabilidade.ima.sc.gov.br para ficar atento às informações de cada praia, pois nesta época do ano, cerca de 72% das placas informativas sobre a situação de cada local, são retiradas ou danificadas em grande parte por vândalos.




Nenhum comentário