Em grupo de WhatsApp, servidores do Pronto Atendimento ridicularizam vereadores de Lages

As conversas foram divulgadas pela Rádio Clube na manhã desta segunda-feira (21) e posteriormente nas redes sociais dos vereadores Jair Junior (PSD) e Lucas Neves (Progressistas) alvos das críticas no grupo.

Por LD,
em Lages/SC

📷 Alguns trechos das conversas divulgadas. (Foto: Reprodução / WhatsApp)

Uma polêmica tomou conta das redes sociais e da imprensa nesta segunda-feira (21) envolvendo alguns servidores do Pronto Atendimento Tito Bianchini e os vereadores Jair Junior (PSD) e Lucas Neves (Progressistas) após conversas dos servidores em um grupo de WhatsApp relacionado ao Pronto Atendimento terem sido divulgados na Rádio Clube de Lages e depois ter tomado conta das redes sociais. O conteúdo das conversas eram em grande parte criticando e  ridicularizando os vereadores que haviam visitado o Pronto Atendimento para fiscalizar o atendimento à população dias antes.


No conteúdo das conversas é possível identificar uma das servidoras criticando os vereadores por terem comparecido no local. “Vão fazer um voluntário no pa [sic] pra ver como se trabalha”, na mesma conversa ela chama o "povo é mto [sic] ignorante” ao se referir ao público que reclama mesmo quando, segundo ela, o atendimento em Lages é de qualidade. Outra servidora diz “vão carpi um lote!”. Já outro servidor manda o print de uma publicação do vereador Lucas Neves visitando o Pronto Atendimento e coloca a legenda “mais [sic] vão racha uma lenha”. O mesmo servidor já havia escrito em determinado momento da conversa que o vereador “Lucas Neves da [sic] o tapa esconde a mão. Conheço esse tipo de gente” e ainda criticou o vereador Jair Junior por sua estatura. “Jair Júnior é um frustrado. Tenta compensar sua anição agindo dessa forma”, diz o servidor.

Em outra parte, uma das servidoras critica a imprensa em especial o apresentador do programa Clube Repórter, da Rádio Clube, Daniel Goulart. “Mais isso a grande culpada é a mídia. O Daniel com suas mentiras e absurdos”, enfatiza e outra conclui “esse pessoal nem sabe como funciona o fluxo, a classificação por exemplo, e vai falar bobagem nas matérias”.

O que dizem os vereadores

Em publicações nas suas redes sociais ambos os vereadores que foram mencionados nas conversas repudiam o desrespeito por eles e também pela população. Jair Junior esclareceu que isso “não representa a opinião da maioria” e conclui que “para eles, errados somos nós em cobrarmos melhorias. Essa é a saúde levada a sério”.


Já o vereador Lucas Neves, postou o vídeo da transmissão ao vivo no Facebook da Rádio Clube onde o apresentador Daniel Goulart lê algumas das mensagens na conversa do grupo dos servidores do Pronto Atendimento e publicou uma nota de repúdio. Nela explica que faz desde o início do mandato visitas periódicas ao Pronto Atendimento, diz que a última visita foi no dia 10 de janeiro às 23h30. “Sempre tive profundo RESPEITO pelos servidores que desempenham suas funções por lá!” e criticou os servidores que o ridicularizaram e o xingaram. “Uma tremenda falta de respeito, pois além de criticar a minha visita, ainda chamaram as pessoas que buscam atendimento lá de ignorantes” e ainda aponta que “se não querem ser cobrados pela população e pelos vereadores, que peçam exoneração e vão trabalhar na iniciativa privada”. 



Visualizar esta foto no Instagram.

REPÚDIO A FALTA DE RESPEITO Quem acompanha meu trabalho sabe: desde o início do meu mandato faço visitas periódicas no Pronto Atendimento Tito Bianchini, em dias e horários alternados, pra saber como está o serviço. Faço isso porque meu papel é justamente fiscalizar, identificar problemas e cobrar soluções por parte da Secretaria de Saúde (responsável pelo serviço). A última visita que fiz foi no dia 10 de janeiro, às 23h30min. Sempre após as visitas eu relato, nas minhas redes sociais, o que vi e o que precisa melhorar. E sempre tive profundo RESPEITO pelos servidores que desempenham suas funções por lá! Pois, bem. Acontece que após a minha visita, em que constatei demora de até duas horas em alguns atendimentos, além da falta de profissionais, funcionários do Pronto Atendimento resolveram RIDICULARIZAR e XINGAR o meu trabalho no grupo de WhatsApp deles. Uma tremenda falta de respeito, pois além de criticar a minha visita, ainda chamaram as pessoas que buscam atendimento lá de ignorantes. E o mais revoltante: isso foi dito pela senhora Mauren Farias dos Santos, GERENTE DO PRONTO ATENDIMENTO, pessoa que deveria dar o exemplo e ter uma postura diferente em função do CARGO DE CONFIANÇA que ocupa. Isso mesmo: ela chamou a população de IGNORANTE. A mesma população que paga o salário deles (os servidores). Será que se esquecem que somos (me incluo nessa) funcionários da população? Como podem desrespeitar de tal forma as pessoas que são a razão deles estarem lá? Como podem ridicularizar um vereador eleito democraticamente para fiscalizar o trabalho deles? Perderam a noção do que é o serviço público, perderam a noção do que é respeito. Se não querem ser cobrados pela população e pelos vereadores, que peçam exoneração e vão trabalhar na iniciativa privada! As conversas de WhatsApp, que mostram que estão mais preocupados em ficar de papo nos grupos, do que atender a população, foram divulgadas pela Rádio Clube, na manhã desta segunda (21/01), no programa do comunicador Daniel Goulart. Fiz questão de separar os piores trechos das conversas, para que vocês saibam as tantas dificuldades que um vereador enfrenta para conseguir defender aquilo que é interesse de todos!
Uma publicação compartilhada por LUCAS NEVES (@lucasneves.sc) em

O que diz a Secretaria de Saúde

O Lages Diário entrou em contato com a Secretária de Saúde de Lages, Odila Maria Waldrich, onde questionamos sobre o posicionamento da secretaria sobre o episódio e se está sendo apurado a conduta dos servidores mencionados. Além disso, também questionamos se alguma medida foi ou vai ser tomada nos casos destes servidores envolvidos. 

A secretária respondeu que tomou conhecimento do caso através do rádio e que em conversa com o prefeito em exercício Juliano Polese (Progressistas) estão tomando as medidas cabíveis e apurando os fatos.




Em grupo de WhatsApp, servidores do Pronto Atendimento ridicularizam vereadores de Lages Em grupo de WhatsApp, servidores do Pronto Atendimento ridicularizam vereadores de Lages Reviewed by Lages Diário on janeiro 22, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.