Gelson Merisio (PSD) e Comandante Moisés (PSL) vão a 2º turno em SC


Mauro Mariani (MDB) que liderava as pesquisas no Estado ficou em 3º.

Por LD,
em Lages

📷 Gelson Merisio (PSD) à esquerda e Comandante Moisés (PSL) à direita vão a 2º turno. (Foto: Divulgação / Montagem)

Após duas eleições para governador decidido em 1º turno em Santa Catarina, pleitos de 2010 e 2014, o Estado voltará a ter segundo turno nas eleições 2018 e com uma “zebra” aparecendo na disputa e tirando o líder das pesquisas do pleito. O segundo turno será entre Gelson Merisio (PSD) e Comandante Moisés (PSL). Mauro Mariani (MDB) que liderava as pesquisas apareceu na terceira colocação e não chegou ao 2º turno.

Com 98,85% das urnas apuradas, o candidato do PSD, Merisio aparecia com 31,09% dos votos. Comandante Moisés, do PSL, aparecia com 29,78%.

Propostas de Gelson Merisio (PSD)

·        Segurança pública é prioridade
·        Extinguir as ADRs
·        Estimular a interiorização do desenvolvimento do Estado
·        Reconvocar 5 mil policiais da reserva para aumentar o efetivo da Polícia Militar
·        Aumentar o efetivo da Polícia Civil
·        Promover mutirão de cirurgias e de exames eletivos contratando o serviço ocioso de hospitais particulares
·        Investir no Instituto do Meio Ambiente de Santa Catarina (IMA)
·        Aperfeiçoar as parcerias públicos-privadas no estado
·        Articular com o governo federal a duplicação da BR-470 e BR-280, início da BR-282 e o Contorno Viário da Grande Florianópolis
·        Organizar e expandir a oferta do ensino médio
·        Aumentar a interiorização do conhecimento, ampliando o acesso à graduação e pós-graduação

Propostas de Comandante Moisés

·        Liberar o estado das ações que não consegue entregar, chamando parceiros da iniciativa privada
·        Reduzir o número de cargos comissionados e secretários de estado
·        Promover parcerias com instituições de ensino para o fomento do empreendedorismo
·        Estimular a produção agropecuária e pesqueira com identificação geográfica, através de incentivos fiscais
·        Fomentar o esporte como meio de prevenção, socialização e integração
·        Implementar a educação integral e incentivar o ensino técnico
·        Investir em saúde integral com foco em prevenção, diminuindo a morbidade, sofrimentos, tempo de espera e gastos com saúde pública
·        Aliar novos recursos tecnológicos potencializando a atividade de inteligência na segurança pública
·        Reestruturar o sistema prisional, fomentando parcerias público-privadas para a profissionalização do apenado, consolidando a custódia e a reinserção social
·        Fomentar a recuperação, manutenção e ampliação da malha rodoviária
·        Fomentar o saneamento básico e abastecimento de água



Nenhum comentário