Comandante Moisés é eleito governador de Santa Catarina

Candidato do PSL que surpreendeu o Estado ao chegar ao segundo turno das eleições, venceu Gelson Merisio, do PSD, com 71,09% dos votos válidos

Por LD,
em Lages/SC

📷 Comandnate Moisés é
eleito governador de SC.
(Foto: Divulgação)
No início do mês, Santa Catarina foi surpreendida com um candidato que nas pesquisas nem aparecia entre os três primeiros colocados, o candidato do Partido Social Liberal (PSL), Comandante Moisés, do mesmo partido do presidenciável Jair Bolsonaro, chegou ao segundo turno e acabou por ser eleito o governador do Estado pelos próximos quatro anos ao derrotar Gelson Merisio (PSD) com 71,09% dos votos válidos.


O resultado saiu já antes das 18h30 quando o percentual das urnas apuradas chegou a 80%, com isso, Moisés que tinha 71,09% não tinha mais chance de ser alcançado pelo candidato do PSD, Gelson Merisio que aparecia com 28,91%. Ao todo foram 2.644.179 votos contra 1.075.242 votos alcançados pelo pessedista.

Comandante Moisés em um levantamento prévio ganhou em todos os grandes colégios eleitorais do Estado como em Florianópolis, Blumenau, Joinville, Lages, Criciúma e até em Chapecó, na base eleitoral do candidato do PSD. Você pode conferir o desempenho de cada um clicando aqui

Biografia

Carlos Moisés da Silva tem 51 anos e nasceu em 17 de agosto de 1967. É casado com Késia e tem duas filhas, Raíssa e Sarah. É filiado ao Partido Social Liberal (PSL) desde este ano. É bacharel e mestre em Direito pela Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) e oficial formado no Curso de Oficiais da Academia da Polícia Militar de Santa Catarina. 

Na sua carreira nunca havia ocupado cargos eletivos. Foi coordenador Regional de Defesa Civil, corregedor-adjunto do Corpo de Bombeiros Militar e assessor na Secretaria Estadual de Justiça e Cidadania. 

Entre alguns temas polêmicos ele se diz contrário como a legalização do aborto, política de legalização das drogas e também à pena de morte. Sobre a revogação do estatuto do desarmamento ele se diz favorável, com ressalvas. 

Algumas das propostas

O plano de governo do Comandante Moisés tem apenas cinco páginas, sendo que se destaca-se alguns itens de cada tema. 

Saúde

·        Investir em saúde integral com foco na prevenção, diminuindo a morbidade, sofrimentos, tempo de espera e gastos com saúde pública;
·        Viabilizar o pleno atendimento, funcionamento e resolubilidade nos hospitais de referência;
·        Fomentar a fixação de médicos nos municípios;

Educação

·        Reconhecer e valorizar o professor;
·        Implementar a educação integral e incentivar o ensino técnico;
·        Investir na melhoria da infraestrutura física e tecnológica das escolas;
Economia

·        Promover parcerias com instituições de ensino para o fomento do empreendedorismo;
·        Fomentar a inovação dos segmentos da indústria catarinense;

Gestão pública

·        Instituir um programa de integridade a fim de instalar dispositivos anticorrupção nas estruturas de governo e exigir postura semelhante àqueles que, de fora do governo, se relacionem com o poder público catarinense;

Segurança

·        Aliar novos recursos tecnológicos potencializando a atividade da inteligência;
·        Reestruturar o sistema prisional, fomentando parcerias público-privadas para a profissionalização do apenado, consolidando custódia e a reinserção social;
·        Criar novos programas e fortalecer os programas de segurança voltados à participação das comunidades na prevenção à violência urbana e rural;

Ciência e Tecnologia

·        Criar incentivos fiscais visando a prestigiar produtos e serviços, aumentando o poder de competitividade do mercado catarinense;

Assistência social

·        Aprimorar todas as modalidades dos centros de atenção psicossocial – CAPS;
·        Promover a integração e o aprimoramento de políticas de assistência social;

Turismo, cultura e esporte

·        Desenvolver iniciativas que ampliem a participação de grupos vulneráveis em atividades de turismo, cultura e esporte;
·        Fomentar o esporte como meio de prevenção, socialização e integração;
·        Preservar o patrimônio histórico e cultural;
Agricultura e pesca

·        Promover a capacitação no meio rural, visando à formação de jovens empreendedores para a sucessão na agricultura catarinense;
·        Estimular a produção agropecuária e pesqueira com identificação geográfica, através de incentivos fiscais;
·        Incentivar a pesca artesanal em Santa Catarina;
·        Incentivar o produtor artesanal e orgânico;

Infraestrutura, mobilidade e meio-ambiente

·        Fomentar matrizes de transporte intermodais e equilibradas;
·        Elaborar plano estadual de mobilidade urbana;
·        Monitorar a qualidade do ar para promoção de políticas ambientais;
·        Fomentar a criação e revitalização de espaços públicos esportivos, culturais e de lazer;
·        Fomentar o saneamento básico e abastecimento de água;






Nenhum comentário