Público abraça Fecart e declara seu amor ao folclore tradicionalista gaúcho


Difícil o lageano que nunca pisou em um chão de salão de baile gaúcho ou que não passou uma tarde em um torneio de laço no interior, ainda mais na Serra, a região mais gaudéria do Estado de Santa Catarina.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Fabricio Furtado / FCL

Os serranos se curvaram à qualidade das apresentações do XXIII Festival Catarinense de Arte e Tradição (Fecart), cuja cidade-sede, Lages, “respira” gauchismo ainda mais neste sábado e domingo (15 e 16 de setembro). O primeiro dia da programação embarcou artistas e fãs dos costumes tropeiros e tradicionalistas em uma viagem ao tempo dos antepassados que cevavam o seu chimarrão e cultivavam seu charque para um saboroso churrasco ao som de ícones como Teixeirinha e Os Bertussi. Difícil o lageano que nunca pisou em um chão de salão de baile gaúcho ou que não passou uma tarde em um torneio de laço no interior, ainda mais na Serra, a região mais gaudéria do Estado de Santa Catarina.

Nos tablados da Escola de Educação Básica (E.E.B.) Industrial de Lages, os talentos de crianças e adolescentes, tão cedo no cultivo dos hábitos tradicionalistas num ambiente familiar e de união, como é todo clã sulista, em que as pessoas se sentam à varanda de casa para conversar ou dentro de casa, à beira do fogão à lenha para assar e comer pinhão e jogar conversa fora, tocar violão e cantar juntos. Coisas que só o friozinho do Sul proporciona, aproximando as pessoas no calor humano.

📷 Fabricio Furtado / FCL

Pequeninos, jovens, adultos e veteranos de diferentes querências entusiasmam com suas habilidades. Especificamente nas danças, coreografias e performances marcantes baseadas em canções famosas, como Tatu com Volta no Meio, Balaio, Chimarrita e Dança do Pau de Fita, e é claro que o olhar se prende também por causa dos vestidos rodados, bombachas, botas e lenços, elementos que contribuem com a leveza e a sutileza dos corpos. Sem falar nas indumentárias dos homens da chula, parecem personagens que escaparam das páginas dos livros de história. A magia dos instrumentos fascina à altura, são violões com acordes aveludados, gaitas-ponto imponentes e até violinos para deixar o Festival ainda mais garboso e comovente.

Neste sábado houve o início dos Concursos de Danças (Mirim e Juvenil) e Individuais (Adulta, Veterana e Xirú), Danças Tradicionais e Danças Birivas do Tropeirismo Gaita de Até 8 Baixos, Gaita Mais de 8 Baixos, Gaita Piano, Gaita de Boca, Dança de Salão, Declamação Prenda e Poesia Inédita, Declamação Peão e Trova, Intérprete Vocal Prenda e Peão, Conjunto Vocal, Violão, Viola de 10 ou 12, Violino, Rabeca, Mais Prendada Prenda e Chula e Chula Trio, um conjunto de movimentos precisos, bem ensaiados e encantadores, “para ninguém botar defeito”. O público compareceu em peso neste sábado, apesar do clima frio e chuvoso. Os troféus a serem entregues no domingo foram confeccionados pelo escultor José Cristóvão Batista, ricos em detalhes, uma réplica fiel do respeito aos costumes.

O Fecart está reunindo em torno de 2.500 artistas de Santa Catarina. São 28 CTGs inscritos, de aproximadamente 20 municípios de regiões tradicionalistas filiadas ao MTG/SC. São 508 os artistas individuais que passarão pelos tablados e palcos. “Este primeiro dia foi gratificante. Organizadores se empenham de forma incansável e os CTGs preparam verdadeiros shows em homenagem à cultura tradicionalista. A comunidade merece e está vendo qualidade nestes trabalhos. Estão todos convidados para se dirigirem ao Colégio Industrial neste domingo e aproveitar mais uma agenda recheada ao lado da família e dos amigos queridos. O acesso é gratuito”, comenta a presidente em exercício do Movimento Tradicionalista Gaúcho de Santa Catarina (MTG/SC), Sueli Dors. O Fecart é realizado pelo MTG/SC, com apoio da prefeitura de Lages (Fundação Cultural de Lages - FCL, Diretoria de Trânsito - Diretran, Secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Fundação Municipal de Esportes - FME e Coordenação de Comunicação Social) e do grupo Vozes da Serra - Cultura Regional. O evento tem transmissão ao vivo pelo Facebook: facebook.com/mtgsc.
  
Prefeitura parceira

O XXIII Fecart tem o suporte da prefeitura de Lages através de um termo de colaboração do projeto aprovado pelo MTG/SC no chamamento público nº: 09/2018, edital coordenado pela Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo, com finalidade de fomento por intermédio da oferta de eventos geradores de impacto no turismo e na economia local. O Município destinou R$ 20.300, viabilizando a realização do evento.

Papel social

No Fecart, uma campanha social para arrecadação de leite e alimentos será destinada ao Saseadla (Asilo Lar dos Idosos), no Promorar, instituição já credenciada, com engajamento dos artistas dos Centros de Tradições Gaúchas (CTGs). Os grupos irão direcionar os donativos angariados e haverá pontuação conforme tabela. O vencedor receberá certificado.

Os desenhos

O Concurso de Desenho denominado Fecart em Minha Cidade destacará as escolas estaduais que estão servindo como alojamentos para os tradicionalistas de outros municípios a se apresentarem em Lages neste final de semana, os anfitriões dos CTGs. A proposta é que os estudantes se dirijam até a Escola de Educação Básica (E.E.B.) Industrial de Lages, onde acontecerá o Fecart, e vislumbrem o evento em si e desta ideia deverá sair o embasamento dos trabalhos de desenho referentes ao Festival. No dia 22 de setembro será anunciado o vencedor, sendo agraciado com um aparelho tablete a sua escola receberá um aparelho de televisão de 24 polegadas. 

Programação deste domingo (16):

7h - Abertura dos Portões
7h30min - Reunião da Comissão Organizadora com representantes - Sala de Reuniões
8h - Início dos Concursos de Danças (Adulta e Veterana) e Individuais (Pré-Mirim a Juvenil)

·        Palco 01 - Danças Tradicionais – Ginásio
·        Palco 02 - Gaita de Até 8 Baixos, Gaita Mais de 8 Baixos, Gaita Piano, Dança de
·        Salão - Tenda Externa
·        Palco 03 - Chula e Chula Trio - Tenda Pátio
·        Palco 04 - Declamação Prenda - Sala de Eventos
·        Palco 05 - Declamação Peão e Causo - Polícia Civil
·        Palco 06 - Intérprete Vocal, Conjunto Vocal, Violão – Teatro
·        Palco 07 - Mais Prendada Prenda - Sala Grande
12h - Intervalo para almoço das comissões avaliadoras
13h - Reinício dos concursos
21h30min - Previsão de encerramento dos concursos
21h45min - Encerramento e Premiação
22h - Fechamento dos Portões (para público externo)

Semana Farroupilha

O Fecart faz parte da Semana Farroupilha, de 14 a 22 de setembro, em que haverá translado da Chama Crioula do município de Iraí (RS) até a sede social do MTG/SC. Entre as atrações estão visita guiada ao Museu Thiago de Castro (MTC) na segunda, quarta e sexta (17, 19 e 21), às 14h, apresentações artísticas, exposições, Palestra Revolução Farroupilha, Jantar Farrapo, Tertúlia Nativista, Alvorada Festiva, Café Campeiro, Mateada e Passagem da Chama Crioula no Calçadão da Praça João Costa e Noite de Gala de Encerramento.