Motorista de Uber é vítima de tentativa de latrocínio em Lages


Dois suspeitos foram presos em um banhado e confessaram o crime.
A vítima que levou facadas no tórax e no pescoço passou por cirurgia e passa bem.

Do LD,
em Lages/SC



Um motorista de Uber foi ferido a facadas em uma tentativa de latrocínio  - que é o roubo seguido de morte – na rua Fermino Constantino, no bairro Jardim Panorâmico, zona Norte de Lages. A vítima teve ferimentos na região do tórax e no pescoço. A Polícia Militar realizou buscas e localizou os suspeitos em um banhado, os quais confessaram a autoria do crime.

De acordo com a Polícia Militar, guarnições da PM localizaram um Fiat Siena com placas de Lages colidido contra um muro, com o motorista Uber, Philipi Exterhotter, de 33 anos, com um corte no pescoço e uma perfuração no tórax, com informações de vizinhos foi feito buscas em um mato próximo ao local para localizar os autores da tentativa de latrocínio, após alguns minutos, os mesmos foram localizados, que imediatamente se entregaram e confessaram a autoria do crime.

Eles relataram que chegaram de Curitiba e solicitaram um Uber, que planejaram o assalto e após alguns quilômetros colocaram em prática a ação. Sentaram no banco de trás do veículo e após informarem o assalto, colocaram uma faca no pescoço da vítima e solicitaram dinheiro e celular, como não teria conseguido o dinheiro e ter ficado em um estado de fúria, o autor identificado como Adrian Péricles de Oliveira Ferreira, de 21 anos, esfaqueou duas vezes o motorista pelas costa, levando o celular da vítima e evadindo-se do local com o parceiro identificado como Lucas Eduardo Gamas, também de 21.  

Após serem encontrados, em buscas encontraram dentro de uma mochila a faca utilizada no crime. Perguntados sobre o objeto furtado responderam que ao cair do barranco acabaram perdendo o mesmo no meio do mato.
O veículo foi levado ao pátio para posterior perícia, já Philipi foi resgatado pelo SAMU até o HNSP onde passou por uma cirurgia e passa bem.