História e cultura atraem comunidade de Capão Alto para escola


Ações foram realizadas na Escola Básica Municipal Belisário José Luiz.

Por CATARINAS COMUNICAÇÃO,
Capão Alto/SC

📷 Divulgação
Para comemorar o Dia da Família na Escola, a programação em Capão Alto teve como propósito fazer um resgate da história e cultura do município. Na Escola Básica Municipal Belisário José Luiz, parceria do Movimento Santa Catarina pela Educação, foram promovidas ações educativas e recreativas alusivas ao tema. Isso atraiu um público expressivo para a unidade escolar.

Os alunos fizeram exposição de trabalhos, pais declaram poesias e os avós contaram causos. No espaço da culinária, houve uma oficina para preparar paçoca, um prato típico da região e, especialmente, do município.  

Uma atividade que reforça a tradição local é o torneio de vaca parada. No pátio da escola, foi realizado um campeonato com a participação das alunos, pais e mães. A comunidade foi quem fez a doação do prêmio para os vencedores da competição.

Num outro espaço, o Serviço Social do Comércio (Sesc) ofereceu uma oficina sobre utilização da água potável como forma de conscientizar os participantes sobre a importância da preservação do líquido. No final da atividade, eles aprenderam como fazer água saborizada.
Os pequenos também se divertiram com a estrutura montada em parceria com o Sesc. Nas atividades de recreação, a criançada pode curtir a cama elástica, piscina de bolinha, perna de pau, chute a gol, mini basquete, mini vôlei entre tantos outros brinquedos.

A interlocutora da Câmara do Movimento Santa Catarina pela Educação na Serra, professora Maria Luiza Vieira Alves, reforça que esse tipo de ação fortalece os vínculos da comunidade escolar. " Foi muito bonita a interação entre alunos, pais e professores. Todo mundo se envolveu e conseguimos atingir o objetivo proposto de estimular os familiares a participarem da vida escolar dos filhos”.

Além dessa programação, na Escola de Educação Básica Belisário Ramos, em Lages, houve um passeio ciclístico e palestras sobre meio ambiente e a importância da água para a sobrevivência do planeta.

Dia da Família na Escola

A proposta da criação do Dia da Família na Escola, que chega a seu segundo ano, surgiu da Campanha Pais pela Educação, lançada pelo Movimento SC pela Educação em 2014. Um dos estímulos é uma pesquisa do Instituto Ayrton Senna, em parceria com a Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), segundo a qual os estudantes que recebem apoio e atenção dos pais na sua vida escolar estão, em média, quatro meses à frente no aprendizado em comparação com os que não recebem essa atenção. O objetivo da iniciativa é estimular a participação dos pais na vida escolar dos filhos.

O Movimento SC pela Educação

Criado em 2012 como uma iniciativa da indústria, com o apoio das federações dos trabalhadores, o Movimento ganhou a adesão do comércio (Fecomércio-SC), da agricultura (FAESC) e dos transportes (Fetrancesc) e passou a se chamar em 2016 Movimento Santa Catarina pela Educação. A iniciativa tem apoio ainda de instituições públicas, como a Secretaria de Estado da Educação e a União dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime-SC). Seus principais desafios são proporcionar a todos os trabalhadores catarinenses a escolaridade básica completa até 2024 e formação profissional e tecnológica compatível com a função, com foco na educação para o mundo do trabalho e na articulação e influência social na educação de Santa Catarina.



Nenhum comentário