Resultados dos exames preventivos ficarão prontos em uma semana


A recomendação do Ministério da Saúde é que toda mulher, com idade entre 25 até os 64 anos de idade faça anualmente o exame papanicolau.

Por ASCOM PML,
Lages/SC

📷 Diony Souza / ASCOM PML

Para dar agilidade aos atendimentos e garantir a qualidade dos serviços prestados, a Secretaria de Saúde de Lages alterou os procedimentos dos exames preventivos realizados no município. O exame preventivo, conhecido como papanicolau é a principal estratégia para detectar alterações e lesões, como doenças sexualmente transmissíveis e o câncer do colo de uterino.

Através de uma pactuação com o município de Videira, a partir de agora, todos os exames coletados em Lages serão encaminhados para o Instituto Ipa que realizará a entrega dos laudos no prazo de até uma semana. A mudança coloca fim a um impasse que se estendia há meses, devido à demora na entrega dos laudos, por parte do laboratório até então apto para realizar os serviços.

“Com o empenho da secretária de Saúde, Odila Waldrich, encontramos uma solução viável para esta importante demanda. Já existe um rodízio com os demais os municípios da Amures que também encaminham semanalmente os exames para esse laboratório em Videira, que dispõe de um patologista responsável conforme preconiza o Ministério da Saúde. Com isso não teremos grandes custos adicionais e ganharemos muito mais em agilidade”, destaca Francine Formiga, diretora de Atenção Básica.

Em média são realizadas 350 coletas de preventivo nas Unidades de Saúde e no Centro de Estudos e Assistência à Saúde da Mulher (CEASM), localizado na região central, próximo ao Fórum.  A coordenadora do programa, Bruna Correa Vaz, explica que as coletas do preventivo são realizadas diretamente nas Unidades dos bairros, e no CEASM são realizadas as consultas e exames das moradoras do centro e das localidades onde não existe estratégia de cobertura de saúde da família.

A notícia de que o exame que realizou na semana passada ficará pronto em alguns dias, deixou dona Lucimere Vieira Padilha, 54 anos, moradora do bairro Santa Rita, muito feliz. Na manhã desta sexta-feira (dia 09 de Março), ela esteve no CEASM acompanhando a filha que está grávida em uma consulta médica. “Isso pode salvar vidas. Fico muito feliz com a notícia, pois mostra que a saúde no nosso município está progredindo.”, declarou. 

E com a experiência de quem atua na área da saúde, a enfermeira Stephanie Aparecida Arruda Rodrigues, moradora do Centro, também realiza o preventivo anualmente, pois sabe a importância dos resultados rápidos no diagnóstico e tratamento. “A doença pode demorar a se desenvolver, por isso a importância da prevenção”.

Orientações para o preventivo

A diretriz do Ministério da Saúde preconiza que toda mulher, com idade entre 25 até os 64 anos de idade deve fazer anualmente o exame papanicolau. Também é recomendado que o exame seja realizado a partir da primeira relação sexual, independentemente da idade. A orientação para realização da coleta é aguardar uma semana antes ou dez dias depois do termino do fluxo menstrual e evitar relações sexuais no período de 72h.



PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages

Um morre e outro fica ferido em acidente entre carro e ônibus em Lages

Colisão traseira faz carro capotar na avenida Dom Pedro II, em Lages; veja vídeo