No mês da mulher, Uniplac lança Observatório de Violências de Gênero


Observatório tem por objetivo acolher, ouvir e registrar dados para pesquisa de violências que possam acontecer dentro da Universidade.

Por VITÓRIA MARQUES BITTENCOURT da
ASSESSORIA DA UNIPLAC,
Lages/SC

📷 Divulgação
O Observatório de Violências de Gênero, que foi lançado no IV Seminário Regional de Educação, Gênero e Sexualidade, promovido pelo Grupo de Pesquisa em Gênero, Educação e Cidadania na América Latina (Gecal), iniciou suas funções nesta segunda-feira (19/03).

Localizado no prédio do CCJ, o Observatório tem por objetivo acolher, ouvir e registrar dados para pesquisa de violências que possam acontecer dentro da Universidade. Professores, estudantes e funcionários da instituição contarão com o apoio do grupo a partir do momento da denúncia.

Segundo a Professora Joseane Antunes, o Observatório por enquanto irá abranger somente a comunidade acadêmica, mas já se estuda a possibilidade de ampliar o projeto para Lages e região.  “Em um primeiro momento iremos fazer esclarecimentos do que é um observatório, organizar campanhas sobre a importância do enfrentamento de violências de gênero na Universidade e produzir materiais informativos”, explica, ressaltando que o Observatório estará sempre à disposição quando alguém quiser realizar alguma denúncia.

As denúncias de assédio moral, sexual, violência de gênero, racismo, homofobia ou lesbofobia poderão ser feitas pelo número (49) 32511093, pelo e-mail observatorioviolenciasuniplac@gmail.com, ou na sala do Gecal, 3301, no prédio do CCJ, com horário de funcionamento das 14h ás 17h.



PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages

Um morre e outro fica ferido em acidente entre carro e ônibus em Lages

Colisão traseira faz carro capotar na avenida Dom Pedro II, em Lages; veja vídeo