Fiesc: novos caminhos forma nova turma na Serra Catarinense e transforma vidas

Formatura aconteceu na última quarta-feira (13) com jovens moradores de abrigos de Lages, Correia Pinto, São Joaquim, Bocaina do Sul e Bom Retiro.

Por CATARINAS COMUNICAÇÃO
em Chapecó/SC

📷 Catarinas Comunicação / Divulgação

Desde 2013, o Programa Novos Caminhos, uma iniciativa da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), tem transformado a realidade de centenas de jovens adolescentes catarinenses. Eles vivem em abrigos sob a tutela do Estado e aos 18 anos precisam deixar estes espaços. Na Serra Catarinense, aos poucos eles estão sendo inseridos no mundo do trabalho e tendo novas perspectivas de vida.

Na quarta-feira (13), 16 jovens moradores de abrigos em Lages, Correia Pinto, São Joaquim, Bocaina do Sul e Bom Retiro se formaram no Programa e, agora, estão melhores preparados para o mundo do trabalho.  “Hoje, é, sem dúvida, a formatura mais importante que estou participando na minha vida. Temos a certeza de que fizemos a nossa parte ao proporcionar a esses jovens a chance de construir um futuro promissor”, diz o vice-presidente da Fiesc para a Serra Catarinense, Israel José Marcon.

Entre tantos sonhos, o de ser militar

Em um depoimento forte e comovente, o jovem José Ítalo dos Santos Gomes, de 16 anos, agradeceu a oportunidade de ter a vida transformada por meio do Novos Caminhos. Ele, que foi abandonado pela mãe aos oito anos de idade, passou a viver em um abrigo na cidade de Correia Pinto e, desde então, trabalha para se manter.

Em 2017, a esperança bateu à porta de Ítalo que, por meio do programa, recebeu a chance do primeiro emprego com carteira assinada. Estudante na Educação de Jovens e Adultos (EJA), no Serviço Social da Indústria (Sesi), o jovem faz planos para o futuro. “Eu sonhava com um futuro melhor e muitos riam de mim, mas eu não deixei de acreditar e segui determinado no que eu queria. trabalho, estudo em busca de sabedoria todos os dias. Vou me tornar Policial Militar e farei faculdade de Direito”.

Dias melhores virão

Assim como Ítalo, outros 15 jovens que se formaram devem seguir a caminhada por dias melhores. Eles permanecem no programa até completarem 18 anos ou enquanto estiverem abrigados com atividades voltadas para a capacitação e profissionalização, acompanhamento psicológico e didático. Serviço Nacional de Aprendizagem Indústria (Senai), Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac), (Sesi) e Iel estão à frente dos trabalhos.

Oportunidades e novidades

A partir de janeiro de 2018, outros dois jovens iniciarão no mercado de trabalho e, desta forma e aos poucos, as oportunidades vão surgindo para outros meninos e meninas que participam do programa.

A grande novidade anunciada pela coordenadora do Instituto Euvaldo Lodi (IEL)na Regional Serra e Alto Vale, Gislaine Gonçalves, é a parceria firmada com a multinacional Voskko do Brasil. A empresa vai inserir o Novos Caminhos no seu programa de Responsabilidade Social. Na segunda-feira (18), às 15h30min, na Associação Empresarial de Lages (Acil), o ato será oficializado.

Parcerias

Para o juiz da infância e da juventude da comarca de LagesRicardo Alexandre Fiuza, a realização do Programa só é possível por que conta com a parceria da Federação do Comércio de Santa Catarina (Fecomércio), Tribunal de Justiça (TJ/SC), Ministério Público do Estado, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/SC) e Associação dos Magistrados Catarinenses (AMC). “ Essas são instituições e entidades com grande credibilidade e que se uniram para fazer a diferença e auxiliar jovens e adolescentes a enfrentar suas dificuldades. Com esforço e dedicação irão alcançar seus objetivos. Todos merecem nossos aplausos” destacou.


PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages