Rocha será detonada na rua Osvaldo Aranha na próxima segunda-feira (30)

A área será devidamente isolada e por se tratar de uma rocha de pequeno porte não será preciso suspender as aulas no Caic e nem limitar a circulação de pessoas a longa distância nos arredores.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC  

📷 Divulgação / ASCOM PML
                  
A
Secretaria Municipal de Águas e Saneamento (Semasa) comunica a população que na próxima segunda-feira (30 de outubro), a empresa Serviços de Terraplanagem e Construção (STC) executará o trabalho de detonação, de pequeno porte, de uma rocha de arenito que precisa ser removida da rua Osvaldo Aranha para viabilizar a continuidade das atividades de implantação do sistema de saneamento básico do Complexo Araucária. O serviço com explosivos está previsto para começar entre 9h e 10h de segunda, na rua ao lado do Centro de Atenção Integral à Criança (Caic) Nossa Senhora dos Prazeres.

O trabalho deve perdurar pela manhã e tarde. As condições meteorológicas podem influenciar no agendamento. O Exército já autorizou a realização da detonação e acompanhará o trabalho juntamente à Defesa Civil do município.

Nesta sexta-feira (27), profissionais da Semasa se deslocarão até o loteamento Araucária/bairro Santa Catarina no período matutino para inteirar os moradores da necessidade da iniciativa, prestar informações e dirimir dúvidas. A área será devidamente isolada e por se tratar de uma rocha de pequeno porte não será preciso suspender as aulas no Caic e nem limitar a circulação de pessoas a longa distância nos arredores. De acordo com a Semasa será imprescindível uma escavação de 80 a 90 centímetros para se poder acessar a cota da rede.

O Complexo Araucária consiste em uma obra de saneamento básico em que toda a rede será ligada à Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) instalada no loteamento Araucária, beneficiando oito bairros: Araucária, São Luiz, Santo Antônio, Santa Catarina, Centenário, Promorar, Santa Clara e Novo Milênio, abrangendo mais de 25 mil habitantes. A conclusão da obra deve ocorrer até meados do próximo ano, segundo previsão.


Serão implantados, no total, 39 quilômetros de redes coletoras de esgoto, cinco estações elevatórias e uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Calcula-se que a esta rede serão feitas cinco mil ligações domiciliares. São investimentos de R$ 25 milhões, faltando aplicação de R$ 5 milhões. É uma obra do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2).

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages