Infiltração de água poluída no Tanque é estancada

Falta agora fazer o esgotamento da água e a limpeza do local, restabelecendo-se o passeio de pedalinho.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Marcelo Pakinha / ASCOM PML

A
secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente, em parceria com a Secretaria Municipal de Águas e Saneamento (Semasa), resolveu o problema de infiltração de água poluída no monumento das Lavadeiras, implantada em área anexa ao histórico “Tanque” do Parque Jonas Ramos, ponto turístico de Lages.

O ponto de infiltração de esgoto foi detectado depois de alguns dias de trabalho, sendo necessária a reabertura de grande parte da rede de água que abastece aquela fonte-monumento.

“O problema estava localizado em caixa de inspeção, onde se rompeu um cano de esgoto. O cano já foi consertado e a fonte esgotada e limpa”, fala o secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tchá-Tchá).

O monumento das Lavadeiras é abastecido com água de fonte natural, a mesma que acaba desaguando no histórico Tanque do Parque Jonas Ramos. “Com esse transtorno, o passeio de pedalinho pelas águas do Tanque foi suspenso”, justifica Tchá-Tchá.

“Agora teremos ainda de esgotar o Tanque para uma completa limpeza do local. Os peixes ornamentais serão retirados e levados para a estação de piscicultura da Epagri”, explica o secretário.


PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages