3º Salão do Livro da Serra Catarinense contabiliza resultados positivos

Destaque no seu desenvolvimento, o Salão mostrou que é possível aproximar as pessoas dos livros.

Por ASCOM FCL,
em Lages/SC

📷 Gisele Urnau / ASCOM FCL

O
último dia do 3º Salão do Livro da Serra Catarinense chegou e com os objetivos alcançados. Para encerrar as atrações, Ronald Augusto falou sobre Literatura afro-brasileira, na Praça Joca Neves e formalizou o encerramento do Salão do Livro dando o último autógrafo no cartaz oficial.

Inserindo Lages entre os grandes eventos literários do circuito estadual, o evento contou com participações relevantes do cenário nacional e internacional. Para o Superintendente da Fundação Cultural de Lages, Gilberto Ronconi, “a cidade não pode mais sobreviver sem o Salão do Livro”, e salienta que toda a repercussão mostra que é possível o fazer. Em relação a edições futuras, ele ressalta que “com certeza na segunda (18), toda equipe da Fundação Cultural já estará pensando no próximo Salão do Livro, escrevendo projetos novamente no Ministério da Cultura e contando com os parceiros atuais".

O Deputado Estadual Gabriel Ribeiro esteve presente no sábado (16) e observa que um evento desse teor implica na formação e no desenvolvimento de um povo e da região. “Uma sociedade sem a cultura e o conhecimento, é uma sociedade sem identidade, história e base, e o estimulo à busca dessas questões vem através do acesso às ferramentas e os caminhos para essa busca que o poder público disponibiliza”.

A curadoria do Salão teve a representação de João Chiodini, o qual foi responsável pela escolha dos palestrantes e autores das apresentações. O objetivo foi escolher uma programação intensa que atraísse as pessoas e as aproximasse dos livros, levando essa experiência para as suas casas e despertando o desejo de querer ver de novo.

O 3º Salão do Livro da Serra Catarinense teve palestras noturnas com nomes como: Fabrício Carpinejar, Dado Villa-Lobos e Raphael Draccon com Carolina Munhóz trazendo ao público diversos estilos. O evento foi patrocinado pela Lei de Incentivo à Cultura e Ambev, tem o apoio do Instituto José Paschoal Baggio, Hotel Fazenda Boqueirão, Câmara Catarinense do Livro e Associação Lageana dos Escritores e é uma realização da Prefeitura de Lages através da Fundação Cultural e Ministério da Cultura.


PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages