Serviço rotineiro melhora trafegabilidade em mais de 74 quilômetros de estradas do interior

Chuvas torrenciais ainda deixam rastros de estragos e prejuízos a quem vive no campo.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Secretaria de Agricultura e Pesca / Divulgação

A
Secretaria da Agricultura e Pesca está realizando serviços de recuperação em trechos de vias rurais onde há formação de atoleiros, eliminando este problema gerado pelas intensas e contínuas chuvas do início do mês, a partir da retirada da lama, colocação de cascalho e compactação do solo para restabelecer a passagem de veículos sem transtornos aos moradores e produtores que escoam o resultado de seu cultivo agrícola e pecuário.


Atualmente, este serviço está sendo executado na localidade Tributos, em trechos onde há buracos e atoleiros, ao longo de 25 quilômetros. Há frentes de trabalho, ainda, em Mirante (sete quilômetros), Caetano Verza (esta numa extensão de 15 quilômetros) e Santa Catarina (cinco quilômetros), segundo o gerente de estradas do interior, Deyvis Francis Stadnick.


Na sexta-feira (23), operários se deslocarão para atuar na estrada de Rancho de Tábuas. Também na sexta será iniciada a atividade de recuperação e reparos dos estragos decorrentes das chuvas na via de chão batido que liga São Jorge e a antiga BR-2, num total de 22 quilômetros.