Prefeito lança agenda positiva em conversa com a imprensa

Diversas obras e ações devem ter continuidade em breve superando antigos problemas.      
                                           
Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Greik Pacheco / ASCOM PML

A
o longo dos cinco meses de gestão, o prefeito Antonio Ceron, em conjunto com as secretarias específicas, trabalhou na liberação de entraves que envolvem os mais diversos projetos. As informações de agora, são boas. É o caso do andamento de obras como a da Ponte Grande, em pontos estratégicos como a construção da ponte, o acesso às moradias, saneamento básico e também a análise de todos os documentos para a pavimentação das pistas. Para tanto, há em caixa R$ 36 mi, sendo que R$ 13 mi serão aplicados em saneamento.


Obras da Av. Antônio Ribeiro dos Santos

Outra obra que também teve novo desdobramento se refere ao término da pavimentação da Av. Antônio Ribeiro dos Santos, no bairro da Várzea. Esta semana, o prefeito Antonio Ceron esteve em Florianópolis e tratou deste assunto com o presidente do Badesc, José Caramori. Como o valor necessário é de apenas R$ 300 mil, a finalização da obra será bancada pelo próprio Município. Novos recursos que poderão vir do Badesc, serão aplicados em outros setores.

Revitalização do Centro

A revitalização do Centro só estava dependendo de algumas modificações no projeto em conformidade com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Lages. Além da manutenção de um número de vagas de estacionamentos, o projeto teve alteração e questões envolvendo a base da Polícia Militar e na melhoria e ampliação do número de banheiros, junto ao Calçadão da Praça João Costa. Nesse caso, segundo o prefeito, o Governo do Estado já está em condições de lançar a licitação, via Agência de Desenvolvimento Regional de Lages.

Lages Business Park

Outro assunto abordado na coletiva de imprensa envolve o terreno em que inicialmente estava destinado à instalação da montadora de caminhos chinesa, a Sinotruk. Porém, como se sabe, o espaço foi revertido a um Consórcio para a implantação de um condomínio multissetorial com predominância industrial denominado Lages Business Park. O assunto foi tratado pelo prefeito, esta semana, na viagem à Capital, Florianópolis. O projeto deverá ter novos desdobramentos nos próximos dias.

Cozinha Comunitária

O assunto também acabou sendo pauta na coletiva de imprensa. Conforme Antonio Ceron, foram buscadas todas as alternativas visando a manutenção do fornecimento de refeições. O caminho judicial para manter o serviço, via prefeitura, foi a última alternativa adotada. A partir de segunda-feira (5) profissionais do município reiniciam o trabalho de fornecimento das refeições no almoço e no jantar.

Centro Administrativo

O prefeito está buscando uma alternativa de recursos a serem financiados, a partir de um acordo de autofinanciamento, a partir de um projeto autossustentável, ou seja, a ser pago pela economia de aluguéis e de pessoal. Os recursos poderão advir do BNDES. Um estudo excepcional mais aprofundado para ver da viabilidade, já está sendo feito.

Pavimentação de ruas


Há possibilidade de se conseguir verbas via Ministério das Cidades para a pavimentação de 76 ruas em que o transporte urbano transita. O prefeito lembrou que os recursos mensais economizados com a redução de cargos comissionados, em torno de R$ 800 mil mensais, estão ficando no caixa da Prefeitura para que possa dar andamento no projeto de pavimentação dessas ruas.

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages