Lançamento do programa Cidade Empreendedora do Sebrae/SC ocorre em Urubici

Evento acontece nesta quinta-feira, 29, a partir das 19h, no Café Cultural do SESC. A cidade é a primeira de cinco que irá receber o programa.

Por CATARINAS COMUNICAÇÃO,
em Lages/SC

📷 Divulgação

O
município de Urubici é o primeiro dos cinco da Serra Catarinense que assinaram o termo de adesão a oficializar a participação no programa Cidade Empreendedora, do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-SC). O lançamento do programa ocorre na quinta-feira (29), às 19h, no Café Cultural do Serviço Social do Comércio (Sesc). Lages, São Joaquim, Campos Novos e Abdon Batista devem ser os próximos.


Nos próximos dois anos serão desenvolvidas na cidade 34 ações com o objetivo de melhorar o desenvolvimento econômico do município. “O objetivo é desenvolver o crescimento econômico do município, proporcionando, paralelamente, uma maior valorização dos pequenos negócios”, destaca o coordenador regional do Sebrae, Altenir Agostini.

Ele explica que o programa Cidade Empreendedora, aborda três eixos principais de atuação:

Ambiente de negócio

Está vinculado a melhorar o ambiente de negócio para quem tem uma pequena empresa no município, seja, por meio da criação da sala do empreendedor, da capacitação dos agentes de desenvolvimento para atender esses empresários ou através de programas de desburocratização de compras governamentais, entre outros.

Educação Empreendedora

A educação empreendedora, levará conceitos de empreendedorismo para as escolas para crianças das escolas municipais, e jovens, principalmente, os que hoje se encontram em situação de vulnerabilidade social.

Melhoria da eficiência da gestão pública

Contempla ações desde estudos econômicos e planejamento para o município, até a parte da gestão dos projetos que estão em andamento.

O programa

Desenvolvido pelo Sebrae-SC, o programa Cidade Empreendedora tem como objetivo a transformação local pela implantação de políticas de desenvolvimento em várias frentes. Os projetos foram formatados para atender os municípios dentro de cada realidade encontrada.

Objetivos

Ø   Melhorar o ambiente de negócios e a promoção de políticas públicas para os pequenos negócios;
Ø   Desenvolvimento econômico local e a potencialização e institucionalização da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa;
Ø   Promoção um ambiente de negócios favorável por meio da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa;
Ø   Criar políticas estruturantes de desenvolvimento;
Ø   Disseminação de políticas nacionais em âmbito local;
Ø   Estímulo do protagonismo local.

📷 Divulgação

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Economia e Política

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?