Bairro Ferrovia praticamente ilhado após rio Ponte Grande transbordar

Bairro da zona leste de Lages é um dos mais afetados por causa da chuva de domingo (4).
                             
Por MAURÍCIO SANTOS do LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

📷 Rio Ponte Grande transborda e água invade a avenida Marechal Castelo Branco. (Foto: Maurício Santos / Lages Diário)

U
m dos bairros mais afetados por causa da chuva de ontem, domingo (4), o Ferrovia, na zona Leste de Lages está praticamente ilhado após o rio Ponte Grande transbordar e invadir terrenos e casas ribeirinhas na noite de ontem, domingo (4) e início desta segunda-feira (5), já que o nível dele assim como dos outros dois principais rios do perímetro urbano de Lages também continuam subindo.


Os dois principais acessos ao bairro Ferrovia estão interditados devido a muita água sobre as pontes e acompanhados de uma forte correnteza. O Lages Diário esteve no início desta segunda-feira (5) nestes dois acessos, a avenida Marechal Castelo Branco e a rua Café Filho e em ambos os locais a água passava sobre as pontes, colocando em risco os motoristas que tentavam atravessar. O único acesso possível de carro ao bairro Ferrovia está sendo pela rua Major Bibiano Rodrigues de Lima a partir da esquina com a avenida Presidente Vargas, passando pelas ruas Malke Litwin Iochpe e Olimpio Sales de Oliveira até chegar na frente da Estação do bairro Ferrovia.


📷 Precipitação da madrugada de domingo à madrugada
de segunda-feira. (Foto: Reprodução / Cemaden)
Choveu o equivalente ao mês de junho inteiro

Segundo o Centro Nacional de Monitoramento e Alerta de Desastres Naturais (Cemaden) choveu em Lages das 00h00 de domingo até a 00h00 desta segunda-feira (5), 165mm, isso é mais do que a média do mês de junho inteiro que fica em torno de 105 a 110mm.

Com toda essa chuva, os rios que cortam o perímetro urbano não suportaram e transbordaram em diversos pontos. A avenida Belizário Ramos que margeia o rio Carahá ficou interditada em boa parte de seu trecho nos dois sentidos. O rio Passo Fundo transbordou e interditou a avenida Duque de Caxias e diversas ruas do bairro Sagrado Coração de Jesus, entre elas, a rua Humberto de Campos que se transformou em um verdadeiro rio.

A situação pode piorar nas próximas horas já que choveu em toda a região e o rio Caveiras também deve ter o seu nível elevado e com isso podendo fazer o rio Carahá ficar represado e assim transbordar em outros pontos.

A Defesa Civil monitora a situação e está agindo para atender a demanda de ocorrências dos mais variados gêneros em todos os bairros de Lages.

📷 Rua Café Filho, um dos dois principais acessos ao bairro Ferrovia também com a água passando sobre a ponte. (Foto: Maurício Santos / Lages Diário)

 
Confira os abrigos ativos em Lages

• Associação dos Moradores do bairro Guarujá
• Sede de Campo do Pinheirinho – na BR-282
• Ginásio Jones Minosso, no bairro Universitário
• Associação dos Moradores do bairro Ferrovia
• Associação dos Moradores do bairro Habitação
• Associação dos Moradores do bairro Caça e Tiro
• Associação dos Moradores do bairro Universitário

A Defesa Civil ainda contabiliza o número de afetados pela chuva e o número de pessoas desabrigadas ou desalojadas em Lages.

Aulas suspensas

Durante a tarde deste domingo (4), o prefeito Antonio Ceron (PSD) determinou a suspensão das aulas na rede municipal de ensino. O secretário da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Lages, João Alberto Duarte também determinou a suspensão das aulas em toda a rede estadual de ensino de abrangência da ADR, ou seja, 45 escolas estarão sem aulas nesta segunda-feira (5).

Os reitores da Universidade do Planalto Catarinense (Uniplac) e do Centro de Ciências Veterinárias da Universidade do Estado de Santa Catarina (CAV/Udesc) também suspenderam as aulas nos estabelecimentos de ensino superior.

Doações

As doações de roupas, calçados, materiais de higiene e limpeza, alimentos não perecíveis e colchões podem ser levados na sede da Defesa Civil, no segundo piso da Rodoviária Dom Honorato Piazerra, no bairro Universitário. Além disso, o SESC está arrecadando donativos também que podem ser levados nas duas sedes do SESC, no bairro Universitário ao lado da rodoviária ou no espaço Bem Estar do SESC, na avenida Presidente Vargas.

A loja oficial do Inter de Lages estará a partir desta segunda-feira (5) também será um ponto de coleta de donativos a serem encaminhadas às vítimas da chuva em Lages.

A Defesa Civil de São Joaquim, município distante cerca de 85 quilômetros de Lages também estará arrecadando donativos que serão encaminhados à Defesa Civil de Lages.


Os telefones de plantão da Defesa Civil para qualquer tipo de ocorrência devido a chuva são: 199 ou (49) 9 8406-4037. 

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Música