Área de deslizamento é avaliada

Parte da encosta do Morro Grande, ocupada por moradias, é vulnerável a deslizamento.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Toninho Vieira / ASCOM PML

A
secretaria de Serviços Públicos e Meio Ambiente e a Defesa Civil farão estudo de terreno localizado na Rua Frei Silva Neiva, ao pé da escadaria do Morro Grande, onde existem duas moradias. Parte frontal desta área desmoronou durante o último período de chuvas e a terra ficou acumulada no patamar da escadaria.


A retirada da terra, o equivalente a carga de seis caçambas, foi efetivada pela prefeitura. “Agora estamos fazendo um estudo deste problema, avaliando a possibilidade técnica de retirada das casas da área de risco”, disse o secretário de Serviços Públicos e Meio Ambiente, Euclides Mecabô (Tchá-Tchá).


O terreno em questão é uma espécie de talude, sendo a parte de baixo a Rua Frei Silva Neiva e a parte de cima um paredão de rocha de arenito sobreposto pela encosta gramada do Morro. No cume do paredão de rocha (ao longo de toda extensão do terreno abaixo) está plantada uma fileira de árvores (eucaliptos), as quais poderão cair sobre as casas, em casos de vendavais.“A área, portanto, é de risco e precisa ser avaliada”, conclui o secretário.

📷 Toninho Vieira / ASCOM PML

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Economia e Política

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?