Realeza da Festa do Pinhão tem dia de visitas institucionais

Rainha Katia Martins e princesas Jessica Quinatto e Laura Koech fizeram visitas no Hemosc, Irmandade Nossa Senhora das Graças, Hospital Seara do Bem e Asilo Vicentino.

Por ASCOM PML,
em Lages/SC

📷 Marcelo Pakinha / ASCOM PML

A
s atribuições da realeza da 29ª Festa Nacional do Pinhão não estão ligadas somente à divulgação das atrações da festa para os visitantes. Nesta terça-feira (16), a missão foi divulgar as instituições de Lages que pelos seus programas têm responsabilidades sociais.


A primeira visita foi no Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (HEMOSC), o objetivo foi conhecer a equipe do HEMOSC que tem proporcionalmente o maior banco de dados de doadores de sangue do Estado. Atualmente participa do programa da Fundação Nova Vida que tem por objetivo convocar agentes comunitários nas cidades que farão a busca por mais doadores. A meta em Lages é aumentar os atendimentos diários, passando de uma média de 20 a 25 atendimentos de captadores dia, para mais de 60. Lages atende 2,5% da população serrana, uma das melhores respostas de doadores no estado. Com a proposta do projeto da Fundação Nova Vida, acredita-se que se pode chegar a 4% da população regional.

Segundo o coordenador administrativo e de qualidade do HEMOSC Lages, Mauricio Hermes, a visita de personalidades ajuda na motivação das pessoas, “a falta de informação é uma das nossas maiores barreiras para aumentarmos os nossos números. A visita da realeza nos ajuda a evidenciar o trabalho do HEMOSC, mesmo porque no período de inverno, a redução de doadores de sangue é significativa e atrapalha a nossa capacidade de estoque por conta do aumento de doenças, e do distanciamento das pessoas”, comenta.

Carinho dos 8 aos 80

Crianças e idosos tiveram uma tarde especial quando perceberam que a visita era diferente de todas as outras até então. Na Irmandade Nossa Senhora das Graças, o imaginário das crianças permitiu que a realeza da Festa do Pinhão fosse comparada aos contos que as professoras leem nas salas de aula.
A interação foi muito emotiva, as perguntas inocentes deixaram a realeza algumas vezes sem respostas:

“Você é rainha mesmo? Então, você manda nas princesas?”

“Eu acho você a princesa mais linda, posso te levar embora?”

No Asilo São Vicente no bairro da Brusque, o sentimento foi ainda maior. Entre a pose para as fotos, Dona Francisca também exibiu a sua coroa à Princesa Jéssica. Para a Rainha Kátia, não há como esconder a emoção, “andamos de mãos dadas com a senhoras pelo asilo, e sentimos a gratidão por estarmos ali. Triste foi a despedida”, lembra.

Visita ao Hospital Infantil Seara do Bem

A Princesa Laura Koech, que é enfermeira de formação e está de licença para o cumprimento do período em que representa Lages na Festa do Pinhão, sabe que a missão no hospital infantil era de uma responsabilidade muito grande. Levar o carinho através da imagem da realeza fez bem para todos, “visitamos crianças que estão ali há mais de um mês internadas, qualquer mudança na rotina é um alívio. Soubemos disso quando a primeira criança nos viu”, comenta Laura.

Segundo o superintendente da Fundação Cultural de Lages, Gilberto Ronconi, mais ações institucionais estão programadas, “a imagem da realeza também deve fazer parte da comunidade, com simples visitas, auxiliamos as entidades a divulgar seus objetivos sociais”, afirma.

Instituições filantrópicas que tiverem o interesse de receber a visita da realeza, podem entrar em contato pelo telefone 3224 74 25, ou pelo e-mail fcl@lages.sc.gov.br


PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Organizador do Bike Serra morre em acidente em Lages