Sobe para 254, o número de mortos em deslizamento na Colômbia

Desastre ocorreu na cidade de Mocoa, no sul da Colômbia. Número de desaparecidos passam de 200 e de feridos, outros 202.

Por LAGES DIÁRIO,
em Lages/SC

📷 EPA/Colombian Army/Agência Lusa
A
cidade de Mocoa, a cerca de 630 quilômetros ao sul de Bogotá, na Colômbia, está em estado de calamidade pública após um deslizamento de terra neste sábado (1º), que matou ao menos 254 pessoas e deixou outras 202 feridas, além de pelo menos 200 desaparecidos. As autoridades seguem trabalhando incansavelmente para localizar as vítimas em um verdadeiro mar de lama. O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos considerou o desastre natural, o pior em 25 anos.


A cidade de cerca de 40 mil habitantes está sem energia elétrica e sem abastecimento de água, e isolada, já que a enxurrada que provocou a tragédia destruiu as pontes que ligavam o município com o restante do país. Boa parte dos moradores foram comunicados com antecedência sobre os riscos que poderiam ocorrer, e por isso, muitas vidas foram salvas, mas de pé, pouca coisa restou. “É uma tragédia sem precedentes, [há] centenas de famílias que ainda não encontramos, bairros que desapareceram”, afirmou a governadora de Puntamayo, Sorrel Aroca, a uma rádio local.

Uma sala de crise foi montada com autoridades locais, soldados, policiais e membros dos serviços de resgates que trabalham nas buscas de desaparecidos e na remoção de corpos e do material.

O deslizamento

A chuva forte que caiu na região da cidade desde a sexta-feira (31) provocaram o aumento dos níveis dos rios Mocoa, Sangoyaco e Mulatos, que descem em direção à cidade, e provocaram uma série de deslizamentos de terra cujos sedimentos seguiram a correnteza dos rios. As sirenes para que os moradores saíssem de suas casas foram tocadas à 00h (02h de Brasília).

Os hospitais da região entraram em colapso devido à quantidade alta de feridos, o que fez acabar rapidamente os remédios e insumos como esparadrapos, luvas e elementos cirúrgicos.


Segundo autoridades locais de meteorologia, choveu cerca de 130mm em poucas horas, um terço do esperado para todo o mês março e abril. 

PREVISÃO DO TEMPO

CURTA O LD

SEGUIDORES

Postagens mais visitadas deste blog

Polícia

Enquete: qual candidata você acha que será a rainha da Festa do Pinhão 2017?

Música